Paulistano Nota Dez

Médico criou instituto que fomenta pesquisas na área de pediatria

José Luiz Setúbal espera atingir um grande número de crianças e tentar resolver a fundo os problemas

Por: Nathalia Zaccaro - Atualizado em

José Luiz Setúbal
José Luiz Setúbal: "Quero atingir um grande número de crianças e tentar resolver a fundo os problemas" (Foto: Lucas Lima)

Em 2004, quando era chefe do setor de pediatria do Hospital Evaldo Foz e somava vinte anos de trabalho em seu consultório particular, José Luiz Setúbal decidiu ampliar seu campo de atuação. “Sentia vontade de dedicar meu tempo a uma causa social”, conta. Optou então por um projeto que fomentasse a pesquisa científica na área. “Quero atingir um grande número de crianças e tentar resolver a fundo os problemas”, explica. O primeiro passo foi dado em 2005, quando o médico comprou um dos principais hospitais pediátricos do país, o Sabará, e se tornou seu diretor.

+ Pintora ajudou a embelezar o Jardim Miriam

Em 2010, a instituição privada mudou de endereço para ocupar um prédio de dezessete andares na Avenida Angélica, em Higienópolis. Aumentou em 60% a capacidade de atendimento e passou a oferecer cirurgias mais complexas. Neste ano, o Sabará conquistou o selo de qualidade Joint Commission International, entregue a centros de excelência. “Hoje somos referência em medicina infantil”, orgulha-se.

De casa nova e com faturamento crescente (de cerca de 40 milhões de reais para 130 milhões em cinco anos), Setúbal pôde, enfim, pôr em prática seu objetivo inicial. Em janeiro, inaugurou o Instituto Pensi. Doze profissionais (mé-dicos, farmacêuticos e outros especialistas) trabalham em pesquisas próprias ou em parceria com instituições. Entre os temas abordados estão a coqueluche e o impacto da ansiedade no pré-operatório.

“Organizamos também congressos sobre esses assuntos”, ressalta Fátima Fernandes, coordenadora do Pensi. Por enquanto, o instituto é sustentado por seu idealizador, que deve investir só neste ano, do próprio bolso, 2,5 milhões de reais. “A perspectiva é que, entre três e cinco anos, o Pensi seja todo bancado pelos lucros do hospital e por doações”, explica.

Quinto dos sete filhos de Olavo Setúbal, ex-prefeito de São Paulo e fundador do banco Itaú, José Luiz é o único dos irmãos homens que não seguiu carreira nos negócios da família. “Sempre preferi as pessoas aos números, mas hoje em dia vivo mergulhado em planilhas para fazer meu sonho dar certo.”

Nome: José Luiz Setúbal

Profissão: médico

Atitude transformadora: criou o Instituto Pensi, que fomenta pesquisas na área de pediatria

Fonte: VEJA SÃO PAULO