Polícia

Médico desaparece em São Paulo horas antes de voo para Vitória

Câmeras do hotel mostram que o oncologista pagou a conta e seguiu em direção à Avenida Paulista, mas não voltou para buscar as malas no último sábado (29)

Por: VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

Roberto Gomes
O oncologista veio a São Paulo para o lançamento de seu livro (Foto: Reprodução TV)

Policiais do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investigam o sumiço em São Paulo do oncologista capixaba Roberto Gomes, de 67 anos. Câmeras de segurança do hotel onde o ex-presidente da Sociedade Brasileira de Cancerologia estava hospedado registraram o médico antes do desaparecimento na manhã do último sábado (29).

+ Assessoria nega que Andressa Urach tenha amputado a perna

As imagens do estabelecimento nos Jardins mostram que Gomes pagou a conta, deixou as malas na recepção e seguiu em direção à Avenida Paulista. Ele estava com viagem programada para Vitória, no Espirito Santo, na tarde de sábado. Entretanto, não retornou para pegar a bagagem no hotel e não embarcou no Aeroporto de Cumbica, em Guarulhos.

Roberto Gomes
Imagens de câmeras de segurança mostram o médico ainda no hotel (Foto: Reprodução TV)

Gomes chegou a São Paulo na última quarta-feira (26). Na sexta-feira (28), ele promoveu o lançamento de seu livro na Assembleia Legislativa da cidade. Um amigo do oncologista disse para a polícia que Gomes não estava se sentindo bem durante o evento, mas recusou a ajuda dos colegas.

+ Cadeirante se arrasta em escada para embarcar em avião

O filho do médico informou também para a policia que o pai falou com familiares na sexta-feira, encaminhando até mesmo algumas fotos da viagem. De acordo com relatos, o médico sentiu tonturas nos últimos dias. Para a família, Gomes pode ter passado mal na rua.

Fonte: VEJA SÃO PAULO