Animais

Guardiões dos bichos: Marcia Haydée

Funcionária pública é uma das organizadoras do grupo Salve os Coelhinhos

Por: Carolina Giovanelli

Capa 2268 - Guardiões dos Bichos - Márcia Haydée
Coelhos à salvo: Márcia faz parte do grupo que resgatou 67 bichinhos abandonados na Mooca (Foto: Marcela Beltrão/Milenar)

Na época da Páscoa, depois dos ovos de chocolate, os pequenos e fofos coelhinhos se tornam uma das opções de presente para as crianças. Mas muitas vezes isso não dá certo. Quando os orelhudos começam a roer os móveis, sujar a casa e se reproduzir loucamente, além de exigir os caros cuidados veterinários especializados, muitos acabam sendo descartados. No começo de março, uma história relacionada ao assunto chegou ao conhecimento de alguns defensores desses mamíferos, entre eles a funcionária pública Marcia Haydée.

+ Dez entidades com animais para adoção

+ Agência em São Paulo assessora pets modelos

Uma moradora da Mooca deixava inúmeros dentuços praticamente abandonados numa casa no bairro. Parte dos protetores resolveu checar a denúncia. “Infelizmente, era tudo verdade. Foram encontrados centenas deles doentes e famintos, em meio a uma grande sujeira”, conta. Em três visitas ao local, conseguiram resgatar 67 peludos, que foram espalhados por lares temporários de seis voluntários.

+ Conheça os guardiões dos bichos em São Paulo

A iniciativa deu origem ao grupo Salve os Coelhinhos. Por meio de seu site (www.salveoscoelhinhos.xpg.com.br), os organizadores buscam interessados em adotar os animais. Todos chegam castrados e saudáveis, acompanhados por um manual de instruções básicas sobre o que comem ou como se portam. O próximo passo desse pessoal será a abertura de uma ONG em prol dos coelhos.

Fonte: VEJA SÃO PAULO