Cidade

Protesto pró-impeachment fecha pistas da Avenida Paulista

Movimento foi organizado pelo grupo Vem pra Rua; ambulantes vendem “pixulecos” a 7 reais

Por: Bárbara Oberg - Atualizado em

Manifestantes Paulista 2
Manifestantes se reúnem em ato contra a presidente Dilma Rousseff (PT) (Foto: Bárbara Oberg)

Cerca de 250 manifestantes fecharam pistas da Avenida Paulista durante um protesto contra o governo federal, na tarde desta segunda-feira (26). Eles exibem Pixulecos (bonecos infláveis do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva), e fazem coro contra a presidente Dilma Rousseff e o Partido dos Trabalhadores. Também carregam cartazes a favor do juiz Sérgio Moro, que conduz as ações da Operação Lava Jato. O encontro foi organizado pela página do Facebook “Vem pra Rua Brasil”. A Polícia Militar acompanha o movimento, que segue pacífico. 

+ PF faz buscas no escritório de filho de Lula

+ A avenida campeã de atropelamentos da cidade

 

Manifestantes Paulista
Alguns manifestantes carregam cartazes a favor do juiz Sérgio Moro (Foto: Bárbara Oberg)

+ Fernando Haddad desmente saída do PT no Twitter

O grupo se reuniu no vão livre do Masp por volta das 18 horas. Às 19 horas, fechou as pistas da Avenida Paulista, no sentido Paraíso. Alguns participantes distribuem bandeiras amarelas escritas “Natal sem Dilma”. Também exibem cartazes aos motoristas de carro com dizeres como “A favor do impeachment buzine”. Muitos carros buzinam em apoio. Também há distribuição de adesivos e alguns ambulantes vendem a versão miniatura do Pixuleco a 7 reais (2 por 10 reais).  

barbara protesto paulista
Manifestantes fecham pista na Paulista  (Foto: Bárbara Oberg )

+ Confira as últimas notícias 

Segundo um dos responsáveis do Vem pra Rua Ricardo Costa, o grupo pretende seguir até sede do PMDB, na Rua Manoel da Nóbrega 1486, no Paraíso, na Zona Sul da cidade.

Fonte: VEJA SÃO PAULO