Carnaval

O tema da Mancha Verde é a humildade

Enredo cita diversas divindades de religiões afro-brasileiras

Por: Bruna Gomes - Atualizado em

Mancha Verde
Mancha Verde: última escola a desfilar na sexta (17) (Foto: Jefferson Pancieri/SPTuris)

"Pela mão do mensageiro do axé, a lição do Odú-Obará: a humildade"

Compositores: Fredy Vianna, Armênio Poesia e Channel

"O dia veio anunciar, a humildade é a voz da nação

Sou Mancha Verde guerreira erguendo a bandeira,

Aceitando a missão

A fé eu fui buscar

Com meu clamor ao mensageiro

Sou Babalorixá

A dor de um mundo inteiro

Tenho a sede do saber

E ainda há muito o que aprender

Se Olorun é o pai na criação

Eu sou mais um dos filhos desse chão

Orunmilá criou senhores do destino

A cada irmão deu seu ensino

O dom em conhecer as direções

Ôba!! Ôba!! O olhar de cobiça vai perceber Babalaô

Faz a justiça vencer meu pai Xangô

A simplicidade vai determinar

A riqueza na lição de Obará

Vem preservar

Respeitar a natureza do criador

Os orixás são provas do seu amor

Que os ventos de Iansã

Levem Oxum, Obá, Nanã

No encontro com o mar, a vida é linda, salve Oxalá

Sementes vão trazer as folhas o poder

É o fim de uma era que se regenera em Obaluae

Oh senhor, perdoai a humanidade, iluminai a consciência

Pra guiar essa mudança

Vou guardar no coração, levar em minhas mãos

A mensagem de esperança"

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO