Cidade

Conheça os males causados pela água da enchente

Água poluída pode provocar doenças como a leptospirose e alergias na pele; saiba os sintomas e o que fazer nesses casos

Por: Marcus Oliveira - Atualizado em

Enchente no Jardim Romano_capa 2185
A leptospirose é uma das principais doenças oriundas das águas de enchente (Foto: Andre Lessa)

Com o grande número de pontos de alagamento na cidade, muitas pessoas acabam entrando em contato com a água suja e se expõem ao risco de doenças. Mesmo pisar em correntezas que se formam nas calçadas sem a devida proteção nos pés pode provocar algum mal.

+ Confira nosso especial sobre enchentes

O infectologista do Hospital Emílio Ribas, Jean Gorinchteyn, faz um alerta sobre um dos principais males causados pela água acumulada: a leptospirose, transmitida pela urina de ratos.

Veja as dicas do médico com cuidados a se tomar após ter contato com enchentes:

■ Faça uma boa higiene pessoal, de preferência com água quente e corrente;

■ É preciso ficar atento a sintomas como febre, dores do corpo - principalmente na batata na perna - urina escura, cansaço, diarreia, vômitos;

■ No caso de ingerir a água ou qualquer desses sintomas, deve-se procurar um médico e informar que teve contato com uma enxurrada;

■ Evite pisar em poças e águas paradas de chuva. Elas podem causar doenças como as dermatites (doenças da pele), que podem acarretar infecções piores. Fique atento ao surgimento de pequenas fissuras com presença de pus na pele;

■ Quem teve a casa invadida pela água da chuva, deve usar botas e luvas de borracha para fazer a limpeza. Jogar fora alimentos e medicamentos, mesmo que lacrados;

■ Para quem teve um ferimento aberto, após ser atingido por algum objeto, por exemplo, é indicado ir ao hospital, para evitar outras enfermidades, como o tétano.

Fonte: VEJA SÃO PAULO