Sociedade

“Pedofilia, incesto: tudo isso é ideologia de gênero”, diz Malafaia

Em vídeo, pastor comentou a mudança de gênero em crianças e adolescentes

Por: Veja São Paulo

silas
Malafaia volta a atacar a comunidade LGBT (Foto: Reprodução)

Conhecido por criar polêmicas em relação aos grupos LGBT, o pastor evangélico Silas Malafaia voltou a atacar nesta terça (22). Em vídeo publicado em seu canal no YouTube, o religioso rechaçou a ideia de que crianças e adolescentes possam se identificar como o gênero oposto. “A pedofilia, o sexo bestial, o incesto - sexo entre pai e filha, entre mãe e filho ou entre irmãos: tudo isso é ideologia de gênero”, afirmou.

+ Mudança de gênero: a complexa transformação de crianças e adolescentes

Ainda conforme ele, os ativistas da causa “só não falam tudo isso porque choca. Mas é tudo uma depravação moral e uma inversão de valores que quer destruir a família”. Além disso, Malafaia disse que esta é “a maior depravação da raça humana” e que isso “prega o sexo livre”.

+ Ativistas pedem que macaco seja considerado autor de selfie

O pastor também tentou buscar argumentos científicos para justificar seu posicionamento. “É tudo um bando de baboseira teórica. O que existe é uma ordem cromossômica de macho e fêmea. Não existe natureza homossexual. É um vício contra a natureza.”, pontuou.

+ Confira as últimas notícias da cidade

Malafaia mencionou ainda que tudo não passa de um jogo dos “esquerdopatas” – ao se referir aos militantes de grupos de esquerda: “eles querem destruir a família e construir um novo modelo de sociedade”.

Nas redes sociais, o vídeo causou polêmica. "Então não reclame quando te culparem por cada pessoa agredida, segregada ou morta por conta disso", escreveu um internauta. "Você não percebe que a postura do Malafaia é perigosa?", indagou outro. Houve também quem apoiasse o pastor. "Opinião não se discute. Eu sou a favor da família tradicional", comentou uma usuária do Twitter.

Assista ao vídeo:

Fonte: VEJA SÃO PAULO