Saúde

Maior dos quíntuplos sai de incubadora

Internado no Hospital Sepaco, na Vila Mariana, Arthur já pesa 2,135 quilos

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Quíntuplos
Karina Barreira e João Biagi, pais dos quíntuplos (Foto: Veja São Paulo)

Os quíntuplos que nasceram em São Paulo no dia 13 de abril andam superando as expectativas de evolução de crescimento. O maior deles e único menino, Arthur, chegou aos 2,135 quilos e saiu da incubadora na tarde desta quinta (28), quando completou 46 dias de vida. Está internado no Hospital Sepaco, na Vila Mariana.

+ "Tenho a sensação do dever cumprido", diz mãe de quíntuplos

A previsão dos médicos é que ele seja o primeiro a receber alta, antes mesmo de completar 2 meses. 

As irmãs de Arthur também se recuperam bem e continuam ganhando peso. Melissa e Laís estão, respectivamente, com 1,78 quilo e 1,64 quilo. Já as gêmeas idênticas Gabriela e Giulia têm 1,545 quilo e 1,125 quilo. 

Deles, apenas Giulia ainda não está treinando a amamentação no peito materno e se alimenta por sonda. Todos os outros já seguem o processo "canguru" e têm contato físico direto com a mãe. 

+ Sesc anuncia unidade no Parque Dom Pedro

Caso raro

Além de configurar uma gravidez de risco para a mãe, o nascimento de cinco bebês ao mesmo tempo é raríssimo. As chances de uma mulher ter quádruplos são de uma em cada 40 milhões. Cinco fetos, então, se mostra algo tão atípico que a literatura médica mal calcula a possibilidade - acredita-se que essa proporção seja de um caso em cada 55 milhões.

No último século, foram apenas três registros desse tipo de gravidez no Brasil.

Fonte: VEJA SÃO PAULO