Criminalidade

Mãe confessa ter usado vassoura para espancar filho

Menino de 5 anos chegou a ser internado com traumatismo craniano, mas não resistiu aos ferimentos e morreu no último dia 27

Por: Veja São Paulo

Cristais Paulistas
Jane deixa casa onde morava após fazer reconstituição do crime (Foto: Reprodução EPTV)

Uma mulher de 27 anos confessou ter usado vassoura, cinto e chinelos para agredir o filho de 5 anos, que não resistiu aos ferimentos e morreu no último dia 27 de fevereiro na Santa Casa de Franca, no interior de São Paulo.

O espancamento aconteceu na zona rural de Cristais Paulista, cidade próxima a Franca e a 414 km de SP. A mãe de Adriano Henrique Jardim Ramos, Jane Aparecida Jardim, 27, confessou o crime nesta quarta-feira (4). O menino foi internado no dia 26 de fevereiro na UTI da Santa Casa com traumatismo craniano. Médicos e peritos da Polícia Civil constataram lesões na cabeça, pescoço e marcas de mordida na região do tórax e abdômen.

Cristais Paulistas
O menino Adriano, que tinha 5 anos (Foto: Reprodução EPTV)

Ontem, durante reconstituição da cena, ela mudou sua versão sobre o espancamento. Inicialmente, Jane havia dito que o teria agredido após o menino ter defecado na roupa. Nesta quarta, no entanto, afirmou que o garoto sujou as roupas após as agressões. "Ela confirmou com riqueza de detalhes os atos que praticou, inclusive que as marcas que a criança tinha no tórax e no rosto foram em decorrência de mordidas", disse o delegado Djalma Donizete Batista, em entrevista à EPTV.

+ Confira as últimas notícias

Ainda de acordo com o delegado, Jane disse que as agressões começaram por volta das 8h e terminaram às 13h. “Ela confessou que usou a vassoura, que inclusive quebrou em dois pedaços, no abdômen e no joelho da criança. Em determinado ponto das agressões, ele defecou”, afirmou Batista.

Presa em flagrante no dia da agressão, Jane está na Penitenciária Feminina de Tremembé. Ela foi indiciada por homicídio doloso qualificado (quando há intenção de matar e por motivo fútil).

Fonte: VEJA SÃO PAULO