Comidinhas

10 endereços para tomar chocolate quente

Saiba onde provar diferentes versões da bebida

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Não importa muito se as temperaturas estão baixas ou nas alturas: é quase impossível resistir a uma xícara beeem quentinha de chocolate. Listamos abaixo endereços, entre docerias, chocolaterias e cafeterias, que servem boas versões da bebida, seja ela mais doce, amarguinha, com raspas de limão ou de laranja. Escolha a sua favorita:

■ Chocolat du Jour: Tem nome francês e matéria-prima baiana o choco chaud (R$ 15,80), que pode ser ao leite ou com 70% de cacau. A colherzinha de chocolate acompanha.

Chocolat du Jour
Choco chaud (Foto: Divulgação)

■ Octavio Café: A versão tradicional vem coberta por uma espuma cremosa, que é salpicada de chocolate em pó. A xícara com 180 mililitros sai por R$ 11,00.

Octavio Café
Chocolate quente: versão tradicional (Foto: Divulgação)

Sofá Café: Uma das melhores cafeterias da cidade faz a receita com uma combinação de chocolates ao leite e amargo mais canela e raspas de laranja (R$ 8,50).

Sofá Café
Chocolate quente: chocolates ao leite e amargo mais canela e raspas de laranja (Foto: Divulgação)

Boutique CFC Pâtissier: Na confeitaria do chef pâtissier Caio Corrêa, dá para tomar o chocolate quente cremoso com pedaços de marshmallow (R$ 13,20).

Boutique CFC Pâtissier - Chocolate quente
Chocolate quente cremoso com pedaços de marshmallow (Foto: Henrique Peron)

 Ale Tedesco Bakery Shop: para tomar nas mesinhas da charmosa casa, as versões com marshmallow ou caramelo são servidas em uma xícara, por R$ 7,40. Quem não conseguir escolher só um adicional, pode pedir com os dois juntos, a R$ 7,70. O tradicional tem dois tamanhos e custa R$ 5,30 ou R$ 7,00.

■ Dicunhada: a casa localizada no Tatuapé oferece uma deliciosa versão em xícara com gotas de chocolate belga no fundo (R$ 12,00).

+ Uma lista com os melhores endereços para tomar chá

■ Coffee Lab: no endereço escolhido cinco vezes como o melhor café pela edição de VEJA COMER & BEBER, dá para tomar o chamado chocolate da vovó, encorpado e com raspas de limão. A xícara custa R$ 10,00  e acompanha uma dose de café expresso.

coffee lab choc
Coffee Lab: chocolate da vovó (Foto: Reprodução)

■ Condimento: tem a versão belga  (R$ 12,00), e a cremosa, que leva o nome da casa e traz canela na mistura (R$ 12,00).

■ Il Barista Cafés Especiais: uma das opções quentinhas é a taça de chocolate meio amargo e leite vaporizado, finalizada com chantili e raspas de mais chocolate (R$ 11,00). A versão cremosa sai por R$ 9,00.

+ Sete 'pecados' gastronômicos que todo paulistano deve cometer

■ Santo Grão: o variado cardápio apresenta receitas incrementadas o ano inteiro. Uma das sugestões é o drinque quente à base de chocolate belga derretido no leite (R$ 12,00).

Fonte: VEJA SÃO PAULO