Cidade

10 lugares imperdíveis para conhecer no centro de São Paulo

Selecionamos cafés, exposições, centros de compras e prédios históricos para todos os gostos 

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Centro de São Paulo
Prédio do Banespa, no centro de São Paulo (Foto: Reprodução/Flickr)

Se tem um passeio que não perde a graça é uma visita ao centro de São Paulo. Tem programação para todos os públicos. Em uma caminhada ou pulando uma estação de metrô, você encontra prédios históricos, artistas de rua, ambulantes. É bom para fazer compras, visitar cafés, fazer lanches. Também é um prato cheio para quem está atrás de passeios a preços baixos.

Confira:

1 - Paribar

Paribar
Paribar: encravado na cada vez mais fervida Praça Dom José Gaspar (Foto: Divulgação)

Coma um brunch no Paribar no domingo, com ovos benedict, panquecas americanas, entre outras comidinhas. O estabelecimento, point de intelectuais nos anos 1950, atrai habitués e novos frequentadores, movidos pela boa reputação. Você pode sentar no charmoso salão ou nas cadeiras de vime da varanda com vista para a Praça Dom José Gaspar. Um charme. Aos domingos eles dão 10% de desconto para que chegar ao local de bicicleta.

+ Sete dicas para tornar sua vida mais fácil em São Paulo

2 - Café Girondino

Café Girondino
Nhoque de batata do Café Girondino: um dos destaques do cardápio (Foto: Divulgação)

Com estilo vintage, das suas mesas é possível avistar o Mosteiro São Bento. O estabelecimento foi inspirado em outro, com o mesmo nome, do século XIX, que ficava na Rua 15 de novembro, com a Praça da Sé. Experimente o almoço. 

3 - Casa Mathilde

Comer e Beber 2013 - doceria - Casa Mathilde
Casa Mathilde: delícias portuguesas no centro (Foto: Mario Rodrigues)

Para um café da tarde, vá à Casa Mathilde. Localizada na Praça Antônio Prado, a tradicional casa portuguesa faz um dos melhores pastéis de nata da cidade. De dentro, através de uma janela de vidro, é possível ver os doces saindo do forno na cozinha. Reserve um tempo, pegue um café, um doce e relaxe no segundo andar, onde o movimento é mais tranquilo.

4 - Centro Cultural Banco do Brasil

CCBB - Veja Luxo Ed.: 2376
A fachada do CCBB São Paulo (Foto: Julio Rua)

A edificação de 1901, com 4 183 metros quadrados e cinco andares abriga cinema, teatro, auditório, loja e o Cafezal Cafés Especiais. É onde ocorrem as algumas das principais mostras da cidade. Aproveite, até o dia 4 de abril é exibida a exposição Mondrian e o Movimento De Stijl. Para evitar filas, basta agendar a visita gratuita pelo site do Ingresso Rápido.

5 - Catedral da Sé

Catedral da Sé
(Foto: Divulgação)

Inaugurada em 1954, a Catedral da Sé é um dos grandes marcos de São Paulo. Ela tem 5 700 metros quadrados de área e foi projetada pelo professor da Escola Politécnica Maximilian Hehl. O prédio também abriga um órgão italiano, considerado o maior da América do Sul, com cinco teclados manuais e cerca de 12 000 tubos lapidados a mão. Para ouvir o badalo dos 61 sinos, passe por lá às 12h ou às 18h. Conheça a edificação pela visita guiada que ocorre de terça a sexta-feira, a partir das 13h. No sábado, a partir das 9h e aos domingos, a partir das 12h. 

6 - Edifício Martinelli

Edifício Martinelli
Edifício Martinelli (Foto: Elaine Cristina Mendes)

O charmosíssimo Edifício Martinelli, repleto de escritórios de sindicatos e repartições públicas, fica na Rua Líbero Badaró e é aberto para visitas guiadas, que ocorrem de segunda a sexta-feira, das 9h30 às11h30 e das 14h às 16h. Nesta quarta-feira (30), não haverá visitação. 

7 - Mosteiro São Bento

Mosteiro São Bento
 O Mosteiro de São Bento fica no Largo São Bento, no Centro  (Foto: Divulgação)

O monastério está integrado à Basílica, onde são realizadas missas diariamente. A mais famosa delas acontece aos domingos, às 10h, e é acompanhada por coral de canto gregoriano e pelo som do órgão de 7 000 tubos. Aproveite para conhecer a padaria, com pães e doces preparados por um grupo de monges. No último domingo do mês, às 12h, o complexo fica aberto para um farto brunch.

+  7 passeios imperdíveis para curtir sozinho

8 - Galeria do Rock

Galeria do Rock
(Foto: Adriano Conter)

É o point para quem gosta de música e rock. Localizada na República, atrai visitantes pela oferta de lojas de CDs, discos, camisas de banda, estúdio de tatuagem e piercing. Também tem lanchonetes e salões de beleza. Dá para passar horas olhando as vitrines da galeria. 

9 - Bar da Dona Onça

Bar da Dona Onça
Bar da Dona Onça (Foto: Divulgação)

O bar fica no Edifício Copan, um dos mais emblemáticos de São Paulo. O estabelecimento é querido e já venceu quatro vezes na categoria cozinha no especial VEJA COMER & BEBER. 

10 - Edifício Copan

edifício copan
Edifício Copan: 115 metros de altura (Foto: SÉRGIO TAUHATA)

Aproveitando a visita ao Bar da Dona Onça, conheça o Copan. O edifício, agora coberto por um manto azul para segurar pastilhas soltas de sua estrutura, tem moradores ilustres como o dono da Livraria Cultura, Pedro Herz. Projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer e inaugurado em 1966, o gigante com 115 metros de altura e formato em S abriga 5 000 moradores e chega a receber 22 000 visitantes por dia.

+ Confira as últimas notícias

 

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO