Noite

Louis: de Miami para a Rua Amauri

Região concentra clubes disputados por endinheirados

Por: Carolina Giovanelli - Atualizado em

Louis 2266
Inspirada em Miami: assim como a matriz, Louis foi projetada por François Frossard (Foto: Waldemir Filetti)

A Rua Amauri e os arredores, no Itaim, concentram clubes disputados por endinheirados, entre eles o B4 e a recém-inaugurada SET. Em março, mais um forte concorrente da noite se instalou por ali. Filial de uma casa de Miami, a agradável Louis é comandada por onze sócios, entre eles o empresário Marcus Buaiz (da Royal, no centro). Projetada pelo francês François Frossard, também responsável pelo visual da matriz, a decoração possui lustres de cristal e papéis de parede rebuscados.

+ Itaim Bibi: o pedaço mais bonito da cidade

+ As baladas que agitam a noite paulistana

+ SET: importada e para poucos

Bem-arrumada, a clientela na faixa dos 35 anos pode se acomodar nas onze mesas disponíveis (R$ 1.000,00, para cinco pessoas, com consumação), mas a maioria prefere circular pelos corredores e pelo mezanino. Música lounge e house batem ponto na trilha sonora. Da carta etílica, experimente o drinque da casa, o louis (R$ 28,00), com vodca Absolut Mango, suco de limão, manjericão e açúcar. Se quiser recarregar as energias, não deixe de provar a porção de coxinhas de camarão com queijo catupiry (R$ 29,00, com oito unidades).

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO