Consumo

Anexo da Livraria Cultura aumenta a oferta de lojas geek na capital

Novo espaço, chamado Geek.etc.br, tem oferta estimada de 10.000 artigos, entre games, revistas, livros, filmes e brinquedos

Por: Anna Carolina Oliveira - Atualizado em

Igor Oliveira - 2268
Igor Oliveira, responsável pelo projeto do novo endereço: acervo com 10.000 itens (Foto: Fernando Moraes)

No lugar de uma armadura de última geração ou de um martelo mágico para combater bandidos intergalácticos, seria mais útil a um super-herói paulistano ter poderes para enfrentar inimigos como as enchentes e o trânsito, transtornos mais imediatos em uma cidade que, até o momento, parece estar longe das prioridades dos vilões de outros planetas (Nova York continua imbatível no topo da lista).

Mesmo com uma realidade tão distante da ficção, não falta por aqui gente que vibre diante das façanhas dos mocinhos dotados de habilidades extraordinárias na eterna luta do bem contra o mal. Nos cinemas, a mais recente peça dessa mitologia, o filme "Os Vingadores", que reúne os personagens Homem de Ferro, Hulk, Thor e Capitão América, teve uma estreia retumbante na metrópole. Nos primeiros três dias de exibição, atraiu mais de 400.000 espectadores na capital, uma das melhores performances dos últimos anos. O grosso da plateia é formado por garotos com cara de Sheldon, o físico do seriado "The Big Bang Theory", ou quarentões e cinquentões que usavam calças curtas na época em que as HQs eram chamadas de gibis.

+ 10 curiosidades sobre "Os Vingadores"

Boneco Limited Edition - 2268
Boneco da Limited Edition: uma das novas manias entre os clientes (Foto: Cida Souza)

É esse mesmo público que frequenta e consome livros e toda sorte de quinquilharias num circuito de lojas especializadas. O mercado acaba de ganhar um novo endereço, com a inauguração na semana passada da Geek.etc.br. O nome faz referência à forma como é chamada a nova geração dos nerds. No espaço de 250 metros quadrados dividido em dois andares, localizado num anexo da Livraria Cultura do Conjunto Nacional, há uma oferta estimada de 10.000 artigos, entre games, revistas, livros, filmes e brinquedos. “As vendas desses produtos não param de crescer, daí foi natural a ideia de ter um espaço só para eles”, afirma Igor Oliveira, coordenador do projeto criado com um investimento de 1,3 milhão de reais. Entre as publicações, é possível encontrar preciosidades como o livro “The Batman Files”, cotado a 266,10 reais. Há ainda por lá oito estações para a experimentação de demos para PlayStation 3, Wii, Xbox 360 e PC.

+ Quiz: Descubra quão nerd você é

colecionador Ivan Freitas da Costa - 2268
O colecionador Ivan Freitas da Costa: encontros com outros aficionados pelo assunto na Comix, um dos locais pioneiros na cidade para esse tipo de público (Foto: Mario Rodrigues)

Só na região próxima à Avenida Paulista existem mais de cinco estabelecimentos do mesmo estilo. Uma das primeiras, a Comix Book Shop começou no ramo como uma banca de revistinhas em outubro de 1986. Hoje, ela reúne mais de 15.000 edições, além de funcionar como ponto de encontro de ilustradores e colecionadores como Ivan Freitas da Costa, de 39 anos. Ele é um dos organizadores do Festival Internacional de Quadrinhos (FIQ), principal evento nacional do setor, além de possuir um invejável acervo de arte original, litografia e revistinhas. “Minha última aquisição foi uma pintura do Batman, que comprei por 900 dólares”, diz, orgulhoso. Outro admirador desse universo, o empresário Rodolfo Pranaitis transformou a paixão em negócio.

 + 5 lugares para ler quadrinhos em São Paulo

Rodolfo Pranaitis e estátua do Homem de Ferro - 2268
Rodolfo Pranaitis: Homem de Ferro por 29.900 reais (Foto: Cida Souza)

Em abril de 2009, criou a Limited Edition, no Jardim Paulista, com mais dois sócios. Em suas estantes, existe uma oferta grande de bonecos de ação, esculturas e artigos variados. “Temos mais de 2.000 itens”, afirma. Segundo ele, alguns clientes aparecem na loja acompanhados por arquitetos para ajudar na escolha de objetos que sirvam como decoração. A peça mais cara por ali é uma escultura do Homem de Ferro com 2,16 metros de altura e 160 quilos. Custa 29.900 reais.

Fonte: VEJA SÃO PAULO