Memória

Livro resgata a história da Casa Santa Luzia

O empório mais famoso dos Jardins está prestes a completar 87 anos de fundação

Por: Mauricio Xavier

Casa Santa Luzia - Memória
O interior da loja nos anos 30: Lopes (no destaque) com sócios e fornecedores (Foto: Reprodução)

Com lançamento previsto para terça (29), o livro Casa Santa Luzia: a História de uma Marca da Gastronomia Paulistana (Grifo, 135 páginas) celebra o mais tradicional empório gourmet da cidade, prestes a completar 87anos de existência.

Sua trajetória é narrada a partir de 1913, quando o imigrante português Daniel Lopes desembarcou no Porto de Santos, fugindo de uma crise econômica na terra natal. Em 13 de dezembro de 1926, Dia de Santa Luzia, ele inauguraria o estabelecimento na esquina das ruas Augusta e Oscar Freire, onde antes funcionava uma tinturaria. 

Casa Santa Luzia - Memória
A fachada na esquina das ruas Augusta e Oscar Freire: família no terraço (Foto: Reprodução)

Com várias fotos antigas da loja original, a obra resgata também fatos históricos e o crescimentoda própria capital por meio de páginas de jornais e anúncios de várias décadas.

Instalada desde 1981 em um espaço de 2 200 metros quadrados na Alameda Lorena, nos Jardins, a Casa Santa Luzia conta hoje com mais de 500 funcionários, vende cerca de 17 000 itens eé administrada pela quarta geração da família Lopes.

Fonte: VEJA SÃO PAULO