Restaurantes

La Tasca - Paella no fogão a lenha é estrela

No prato é usado arroz espanhol tipo 'bomba', crocante e saboroso

Por: Arnaldo Lourençato - Atualizado em

la tasca restaurantes 2150
Com frutos do mar: R$ 128,30, para dois (Foto: Mario Rodrigues)

Numa área mais tranquila do bairro de Moema, o despojado La Tasca oferece clássicos da culinária espanhola elaborados pelo casal de proprietários Mireia Vila Garcia e Mario Augusto Ott. Os chefs, que se conheceram quando cursavam a faculdade de gastronomia, não seguem as receitas tradicionais ao pé da letra. Fazem adaptações, como a redução das quantidades de pimentão e páprica, segundo eles necessárias para conquistar o paladar da clientela.

A estrela da casa é a paella preparada no fogão a lenha. Das cinco versões, provou-se a marinheira (R$ 128,30, para duas pessoas), uma combinação de arroz cozido em caldo de pescado ao açafrão mais tiras de pimentão vermelho, cubos de tamboril, lula, mexilhão, lagostim e camarão-de-sete-barbas grande. Usa-se o arroz espanhol do tipo bomba, que cozinha até pregar no fundo da panela, meio crocante e rico em sabor. Antes, peça algumas das boas tapas, entre elas o tenro polvo ao vinagrete (R$ 12,00), o lacón (R$ 11,00), espécie de presunto caseiro de produção própria, e a chistorra na sidra (R$ 9,80), linguiça frita e cozida no espumante de maçã. Evite as desanimadoras batatas bravas (R$ 9,80), sem sal e nada picantes, e a tortilla de batata (R$ 10,00), desprovida de tempero. Essa entradinha, aliás, chegou na hora da sobremesa por causa do serviço desencontrado e desatento.

Doces caprichados concluem bem a refeição: pão de ló recheado de creme de amêndoa (R$ 9,20) e o cremoso sorvete de torrone (R$ 10,20). Na carta de vinhos, o espanhol branco Osbourne Solaz Viura 2007 (R$ 72,00) escolta as opções de pescado

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO