criminalidade

Jovem é esfaqueado em briga de punks e skinheads

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a confusão terminou nas proximidades da Rua Augusta

Por: Estadão Conteúdo

augusta_foto 3 Rua Augusta Mapa
Rua Augusta: onde comer, beber e dançar (Foto: Ricardo D'Angelo)

Um rapaz foi esfaqueado durante uma briga entre punks e skinheads na região central da capital paulista na madrugada deste domingo, 26. Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP), a confusão terminou nas proximidades da Rua Augusta. Um jovem também foi preso em flagrante por roubo e outros dois foram detidos por resistência e desobediência.

Aos policiais, o jovem de 22 anos contou que estava com um grupo de amigos punks, quando cruzaram com neonazistas. Logo depois, a briga teria começado. Segundo relata, ele tentou defender uma amiga - que havia sido agredida pelos skinheads - e foi atacado. Ao todo, sofreu quatro facadas. A vítima precisou ser socorrida ao pronto-socorro da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo, também na região central. O autor do crime não foi identificado, afirma a SSP.

A SSP diz que policiais, que faziam ronda no local, perceberam que um grupo de cerca de quarenta pessoas agia de forma agressiva. Ao abordarem os grupos, os policiais teriam sido hostilizados e objetos teriam sido arremessados na viatura. Por causa da confusão, sete pessoas foram encaminhadas para o 78º Distrito Policial (Jardins), entre elas dois menores de idade.

Na delegacia, um casal que esperava para registrar um boletim de ocorrência por roubo na Rua Matias Aires, esquina com a Rua Augusta, reconheceu um dos detidos. Jonatas de Aguiar Machado, de 20 anos, foi preso em flagrante e levado para o 2º Distrito Policial (Bom Retiro). Outras duas pessoas também foram autuadas por desobediência e resistência, diz a SSP, mas foram liberadas após assinarem um termo circunstanciado.

+ ÚLTIMAS NOTÍCIAS: o que acontece de mais importante na cidade

+ Os três maiores boatos da eleição presidencial

Fonte: VEJA SÃO PAULO