Memória Paulistana

Morre compositor e pianista José Antônio Rezende de Almeida Prado

Artista foi vítima de parada respiratória, aos 67 anos

Por: Mauricio Xavier [Com reportagem de Catarina Cicarelli, Isabela Villalba e Renata Sagradi] - Atualizado em

José Antônio Rezende de Almeida Prado_2193
José Antônio Rezende de Almeida Prado: cerca de 300 obras (Foto: Divulgação)

No domingo (21), a Academia Brasileira de Música perdeu o dono da cadeira 15. O compositor e pianista José Antônio Rezende de Almeida Prado morreu em São Paulo, aos 67 anos, após dez dias internado, vítima de parada respiratória.

Natural de Santos, ele iniciou seus estudos em 1954 e fez cursos em Paris entre 1969 e 1973. Foi diretor do Conservatório Municipal de Cubatão e professor da Unicamp. Produziu cerca de 300 obras. Com a cantata Pequenos Funerais Cantantes, venceu o I Festival de Música da Guanabara, em 1969. “Aprendi muito com ele”, diz Maria Constança Almeida Prado Moreno, sua filha e violinista.

Fonte: VEJA SÃO PAULO