Noite

João Gordo volta a discotecar na festa On The Rocks

Músico foi um dos criadores da balada que rola sempre às segunda-feiras na D-Edge

Por: Catarina Cicarelli - Atualizado em

João Gordo
De volta aos pick-ups: João Gordo retoma residência na On The Rocks, da D-Edge (Foto: Divulgação)

No início dos anos 2000, eram raras as baladas dedicadas exclusivamente ao rock. “Só tinha tecno rolando”, lembra João Gordo, que, em 2001, decidiu criar em parceria com a promoter Vivi Flaksbaum, a festa On The Rocks, que já passou por casas como a Lov.e até se fixar, dois anos depois, nas segundas-feiras da D-Edge.

+ As festas que agitam a cidade

+ Saiba que tipo de roqueiro você é

+ As Boas Compras: Rock

Apesar de ser um dos fundadores da noitada, João abriu mão de ser residente há cerca de cinco anos. “Comecei a desandar, encher a cara. Estava doidão demais na época”, lembra o músico, que é vocalista da banda punk Ratos de Porão. Hoje, “completamente careta”, apesar de tomar uma cervejinha ou outra, ele decidiu retomar sua participação na balada e, a partir desta segunda (16), volta a marcar presença semanalmente nos pick-ups.

Na festa do D-Edge, não faltarão hits de new wave e glam rock. “Minha discotecagem é super seguimentada”, explica João, que afirma que todas as faixas serão “estritamente dançáveis”. Ele desfaz a falsa ideia de só gostar de batidas pesadas. “Já toquei, por exemplo, ritmos cubanos como a rumba e o cha-cha-cha. Tudo depende do que o contratante quer”, explica o músico, que também dá som em festas de casamento e batizados, incluindo a união de Adriane Galisteu e Alexandre Iódice, em novembro de 2010.

Quase um hino da balada, “I Love Rock’n’Roll”, de Joan Jett, será uma das escolhidas para a trilha sonora desta segunda. “Surfin’ Bird”, do grupo americano The Trashmen, também será lembrada. “A música foi lançada em 1964, ano em que eu nasci. Quero que toquem ela no meu enterro”, conta.

Fonte: VEJA SÃO PAULO