ROTEIRO

Conheça os mais novos points dos Jardins

A região se reinventa com as melhores opções de galeria de arte, lojas que passam longe da crise e cardápio de bares, restaurantes e endereços de comidinhas para todos os bolsos

Por: REDAÇÃO VEJA SÃO PAULO

GALERIAS

luciana brito design
Galeria Luciana Brito: casa modernista da década de 50 (Foto: Romulo Fialdini)

Troca Benfeita

Luciana Brito substituiu no início deste mês a paisagem dos arranha-céus da Vila Olímpia por uma charmosa casa modernista da década de 50. O resultado da inovação? Sua galeria transformou-se na mais bonita da cidade. Contam pontos o projeto arquitetônico assinado por Rivo Levi e o paisagismo de Roberto Burle Marx. Avenida Nove de Julho,5162, Jardim Europa, ☎ 3842-0634.

Galeria Luisa Strina Jardins
Galeria Luisa Strina: anexo reativado (Foto: Edouard Fraipont)

Irmão mais novo

Representante de artistas como Robert Rauschenberg, Cildo Meireles e Olafur Eliasson, a Galeria Luisa Strina — a mais antiga e poderosa do país — acaba de reativar o espaço original onde funcionou por 35 anos. Fechado desde 2010 para guardar obras do acervo, o Anexo virou um local para trabalhos experimentais. Rua Padre João Manuel, 974-A, Jardim Paulista ☎ 3088-2471.

Casa Triângulo - Jardim América
Casa Triângulo: inaugurada há cerca de um mês (Foto: Leonardo Finotti)

Elefante branco

É impossível não notar. O grande cubo branco inaugurado há cerca de um mês na Rua Estados Unidos é a nova sede da galeria Casa Triângulo. Fundada há quase três décadas, a instituição saiu do Itaim Bibi para juntar-se ao bairro mais 'artsy' da cidade, onde está a maior concentração de casas do gênero. Projetado pelo escritório Metro Arquitetos Associados, o espaço de 500 metros quadrados adapta-se facilmente aos delírios e produções dos seus artistas. A agenda de mostras mensais inclui, para este ano, exposições de Dario Escobar (atualmente em cartaz), Flávio Cerqueira e Valdirlei Dias Nunes. Rua Estados Unidos, 1324,Jardim América ☎ 3167-5621.

Janaína Paschoal, a advogada possuída pelo impeachment

CONSUMO

Oscar Freire Exterior_RET[1]
Tommy Hilfiger: loja de 500 metros quadrados  (Foto: Divulgação)

Templo das roupas arrumadinhas

Quem gosta de bater perna (e fazer compras) na Rua Oscar Freire sentiu o baque, em 2015, quando a Lacoste fechou as portas. Mas a abertura de uma bonita unidade de 500 metros quadrados da trintona Tommy Hilfger fez o ano fechar no azul. Por trás da operação no Brasil está o conglomerado InBrands, dono também da Ellus e da Richards. Na decoração suntuosa, há espaço inclusive para poltronas de Sérgio Rodrigues. As roupas com a bandeirinha tricolor que fazem a cabeça dos compradores de outlets fora do Brasil aparecem aqui também em versões mais refinadas. Na linha Hilfger Collection, por exemplo, estão as criações apresentadas nos desfles das semanas de moda de Nova York. Para os homens, há peças de alfaiataria. Um blazer não sai por menos de 2 299 reais. Rua Oscar Freire, 909, Jardim Paulista, ☎ 3060-8994.

Acaju do Brasil - multimarcas - foto Monica Antunes (2)
Acaju do Brasil: muitas grifes são vendidas no espaço (Foto: Monica Antunes)

Muitas marcas

Desde 2011, a Acaju do Brasil,dos sócios Dimitri Mussard, Nicolas De Virieu e Gustavo Pinhal, representa marcas internacionais por aqui. No início deste mês, ganhou uma sede própria, de 130 metros quadrados. Perto de trinta grifes descoladas estão à disposição.Têm lugar no portfólio óculos da francesa Thierry Lasry, carteirasda australiana The Walart eexemplares da badalada revistaamericana Kinfolk. Para asfashionistas em dieta, vale umaviso. A nova loja fca no pisosuperior da flial paulistana daGelateria Dri Dri, com matrizem Londres. Vai ser difícil nãosair com uma casquinha (12 reaisa bola) na mão. Rua PadreJoão Manuel, 903, Jardim Paulista, ☎ 3263-0083.

COMIDINHAS

Boutique CFC PATISSIER
Boutique CFC Pâtissier: panacota de café com caramelo cremoso e crocante de cacau (Foto: Fernando Moraes)

A França também é aqui

Ao entrar na recém-inaugurada Boutique CFC Pâtissier, esteja preparado para fazer uma viagem à França. Enquanto a decoração em tons de cor-de-rosa remete a muitas confeitarias de Paris, os clássicos doces bem executados pelo chef Caio Corrêa são capazes de encher os olhos — e abrir o apetite. Na vitrine, estão sobremesas como a panacota de café montada no copinho de vidro (18 reais), feita com caramelo cremoso e fnalizada por farofa crocante de cacau. Na própria loja, Corrêa prepara ainda ótimos macarons, como os de pistache e framboesa. Cada um custa 5 reais. Rua Doutor Melo Alves,438, Jardim Paulista, ☎ 3081-8058.

É de chocolate

Da quinta geração de uma família de produtores de cacau, Diego Badaró usa matéria-prima cultivada em Ilhéus para fazer os ótimos chocolates de sua Casa do Sabor Amma, premiada por VEJA COMER & BEBER. Recentemente, brotaram por lá novidades veganas, como o brigadeiro de leite de coco (6 reais). Alameda Ministro Rocha Azevedo, 1052, Jardim Paulista, ☎ 3068-0240.

+ 25 motivos para amar os Jardins

BARES

Como em NY

Em março, a badalada hamburgueria nova-iorquina burger joint ganhou uma flial paulistana. No cardápio enxuto, igualzinho ao da matriz, escolhe-se entre hambúrguer (23 reais) e cheeseburguer (25 reais) mais complementos inclusos no preço, como alface, tomate, picles, cebola-roxa e maionese — se quiser tudo junto, basta pedir pelo “the works”. Rua Bela Cintra,2116, Jardim Paulista, ☎ 2495-1019.

Casa de um drinque só

Em alta na cidade, o gim-tônica ganhou em fevereiro um bar para chamar de seu, o G&T. Pequeno, o lugar tem carta assinada pela experiente bartender Talita Simões (ex-Side) e traz sugestões como a de gim Bulldog, canela em pau e casca de laranja (30 reais). Único petisco disponível, a porçãozinha de amendoim para acompanhar é cortesia. Temporário, o endereço deverá ficar aberto até o fim de maio. Rua Peixoto Gomide, 1679, Jardim Paulista. Sem telefone.

Drink Frigobar Bela Cintra
Drinque servido no Frigobar: noite com ares clandestinos (Foto: Ricardo D'Angelo)

Segredo mal guardado

Para entrar na portinha onde se esconde o Frigobar, deve-se fazer reserva pelo e-mail frigobarsp@gmail.com e pagar antes o ingresso de 70 reais. A noite-experiência de ares clandestinos inclui mimos como um coquetel de boas-vindas. Da carta, vale provar o drinque 'caramel rob roy' (uísque 12 anos, vermute, xarope de caramelo e bitter de laranja; 30 reais). Fique ligado: a casa abre só às terças e quartas. Rua Bela Cintra,1705, Jardim Paulista. Sem telefone.

Psiu dobra número de fiscalizações e aumenta multas em São Paulo

RESTAURANTES

Aroma com curry

Com matriz na Vila Mariana, o Samosa & Company Indian Food ganhou esta flial mais confortável perto da Paulista. Agrada ao paladar o frango ao curry vermelho (50 reais) e o bolinho de batata com chutneys de tâmara e hortelã mais esferas de iogurte (30 reais). Alameda Jaú, 1639, Jardim Paulista, ☎ 3063-2902.

Japa moderno da vez

 Atrás do balcão meio escurinho do UN está o nipo-brasileiro Tadashi Shiraishi, que já atuou em filiais na Grécia e na Suíça do estrelado Nobu, de Nova York. Emalta com os paulistanos, o chef prepara delícias de pegada moderna como o sashimi de vieira ao molho cítrico banhado por azeite quente (47 reais). Se preferir algo mais convencional, fique tranquilo: as duplas de sushis são bem montadas com olhete (17 reais), barriga de salmão (22 reais) e lula (22 reais). Da seleção de pratos quentes, vá de barriga de porco com missô de nozes, que vem na tigela sobre uma porção de arroz (50 reais). Rua Padre João Manuel, 1050, Jardim Paulista, ☎ 3086-0066.

Expansão ibérica

Há um (justifcável) oba-oba em torno do Aragon. Explicam o sucesso as boas receitas ibéricas, como o arroz de pato (89 reais para dois). Para dar conta do movimento, a casa acaba de ganhar uma área de espera e ambientes para mais 100 pessoas. Alameda Ministro Rocha Azevedo, 1373, Jardim Paulista, ☎ 3085-1877.

SERVIÇOS

Espaço Andersen Alameda Lorena
Espaço Andersen: loja de brinquedos com espaço de recreação (Foto: Divulgação)

OPERAÇÃO BABÁ - Inspirada no universo das fábulas infantis, a aconchegante loja de brinquedos Espaço Andersen divide seus 70 metros quadrados com um espaço de recreação com muitos livros, balanço e caixa de areia. Lá, adultos e crianças de até 3 anos podem fazer um test-drive dos itens antes de comprar. Sai por 12 reais o período ou 16 reais consumíveis no café. Aulas de arte, música e contação de histórias fazem parte da programação paralela (55 reais a ofIcina). Alameda Lorena, 879, Jardim Paulista, ☎ 3501-5566.

ANIVERSÁRIO DESCOLADO - O espaço QG 2201 tem sido um dos mais procurados pelos modernetes para celebrar festas. Que tal, por exemplo, fazer um churrasco na laje com uma bela vista do skyline do bairro? Parte dos 700 metros quadrados é ocupada por salas, facilmente transformadas em pistas de dança. Em menos de um ano, 300 eventos já passaram por lá. O aluguel custa a partir de 2 500 reais. Rua Estados Unidos, 2201, Jardim Europa, ☎ 98806-9863.

Fonte: VEJA SÃO PAULO