Mistérios da Cidade

'Instavô' reúne fotos cotidianas dos anos 40

Página no Facebook revela São Paulo em preto e branca

Por: Mauricio Xavier - Atualizado em

Instavô - 2372
Aeroporto de Congonhas, em 1952 (Foto: FOTOS HELMUT DIERKES)

Como seria um perfil no Instagram se ele tivesse sido criado nos anos 40? Algo semelhante a isso pode ser encontrado no Facebook. Na página Instavô, a publicitária Christine Dierkes reúne a coleção de imagens de seu avô, o alemão Helmut Dierkes.

O importador apaixonado por fotografia sacava câmeras para registrar situações do cotidiano. Esses momentos renderam um acervo de mais de 2 000 negativos, guardados pela família após sua morte, em 2005. Redescobertos há um mês pela neta, os registros atraem um público curioso por cenas de uma metrópole em preto e branco, e acumula “curtidas” e comentários dos mais de 1 000 fãs do projeto.

Como Dierkes, que nunca chegou a possuir um equipamento digital, lidaria com a tecnologia do século 21? “Acho que ele tiraria altas selfies (autorretratos), como a que fez com meu pai (ao lado)”, brinca Christine.

'Instavô' - edição 2372
Selfie com o filho Carlos, em 1959 (Foto: FOTOS HELMUT DIERKES)
Instavô
Estádio do Pacaembu, entre 1939 e 1940 (Foto: FOTOS HELMUT DIERKES)

Sugestões para a seção? Escreva para misterios@abril.com.br

Fonte: VEJA SÃO PAULO