Cidades

Imóvel abandonado vira possível criadouro do mosquito Aedes aegypti

Preocupados, moradores dos Jardins cobram das autoridades vistorias no local, abandonado há mais de uma década e repleto de poças d'água em seu terraço

Por: Tatiana Izquierdo - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Um imóvel localizado na esquina das ruas Estados Unidos e Bela Cintra, no Jardim América, tem causado stress para vizinhos e funcionários de estabelecimentos próximos ao local. Abandonado há mais de uma década, o prédio exibe vidros quebrados, lixo acumulado e um forte cheiro de urina e fezes. Em seu topo, grandes poças d'água formam piscinas que se transformaram em criadouros do mosquito Aedes aegypti, principal transmissor das doenças zika, chikungunya e dengue. Para alertar ainda mais as autoridades, uma faixa foi fixada na fachada do local.

Faixa dengue Jardins
Moradores colocaram uma faixa na fachada do imóvel abandonado para alertar as autoridades (Foto: Tatiana Izquierdo)

+ Como escolher o melhor repelente contra o aedes aegypti

Há pelo menos oito meses, as 28 famílias que moram em um condomínio vizinho, o Mansão Jardim Europa, no número 2349 da Rua Bela Cintra, reclamam para as autoridades sobre a falta de vistoria do local, onde funcionava o Departamento de Comércio do Estados Unidos no Brasil e que, segundo à prefeitura, pertence a uma empresa carioca. "Fizemos diversas denúncias no Disk Dengue, na subprefeitura e nada", afirma o morador José Del Chiaro.

A primeira reclamação se deu em março junto à prefeitura, que ficou de realizar a inspeção. Desde então, a subprefeitura de Pinheiros tenta localizar o dono do imóvel.

imovel-dengue3
O hall de entrada do imóvel é ocupado por moradores de ruas e usuários de drogas (Foto: Tatiana Izquierdo)

Procurada, a subprefeitura do bairro informou que "ainda nesta semana, realizará uma vistoria e notificará o proprietário a realizar a limpeza do local. A subprefeitura também já enviou ofício à pasta da Saúde para que realize vistoria no local e tome providências em relação aos focos de mosquito da dengue".

+ Criminosos mantêm clientes reféns em joalheria no centro

A reportagem de VEJA SÃO PAULO esteve no endereço e constatou a situação de abandono. Uma moradora do sexto andar do edifício Mansão Jardim Europa, que não quis se identificar, relata que realizou também diversos pedidos aos órgãos responsáveis. "Ninguém faz nada. É um absurdo. Aqui no apartamento, podemos fechar as janelas, ligar o ar condicionado e viver. Mas e quem trabalha na região?".

imovel-dengue5
Fachada do imóvel abandonado na esquina no Jardim América, região nobre de São Paulo (Foto: Tatiana Izquierdo)

Fonte: VEJA SÃO PAULO