Mistérios da Cidade

Hotel em Ilhabela oferece stand-up paddle no estilo peruano

Esporte é praticado com pranchas chamadas de caballitos de totora

Por: Silas Colombo - Atualizado em

stand-up paddle peruano
Praticante com um caballito de totora: estilo peruano (Foto: Divulgação)

Praticado de pé sobre uma prancha longboard impulsionada por um remo, o stand-up paddle vem conquistando mais adeptos a cada temporada de verão. Para dar um certo verniz histórico à recente moda, o hotel DPNY Beach, de Ilhabela, no Litoral Norte, acabade importar do Peru dez caballitos de totora (cavalinhos de cana), uma espécie de primo ancestral do esporte (ao lado, algumas desuas características). Desde o início da semana passada, moradores e turistas podem singrar pelas águas da Praia do Curral da mesma forma como era feito há 2 000 anos,quando as primeiras embarcações teriam surgidona costa americana do Oceano Pacíficovindas da Polinésia.

› Fabricação: produzidos de forma artesanal com caules e folhas de taboa

› Uso: para pesca marinha na costa do Peru e lagos da Bolívia e transporte de velejadores a remo

› Formato: a proa deve ser afiada e curvada, com a parte traseira mais ampla

› Medidas: as embarcações têm entre 4,5 e 5 metros de comprimento e pesam de 47 a 200 quilos

Fonte: VEJA SÃO PAULO