Cidade

Idoso de 82 anos é agredido por universitário

O aposentado Ítalo Paschoalini precisou levar cinco pontos após ter sido golpeado na cabeça. Jovem diz que também foi atacado

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

idoso italo
Ítalo Paschoalini levou cinco pontos na cabeça (Foto: Reprodução / Facebook)

O idoso Ítalo Paschoalini, de 82 anos, foi agredido na última sexta-feira (27) por um jovem de 19 anos em frente a sua casa, em Santo André, no ABC. A confusão aconteceu quando Eduardo Baionne, que participava de uma festa em uma república de estudantes, deixou o local e urinou na calçada da residência do aposentado. 

De acordo com Paschoalini, ao abrir a porta de casa, ele viu o jovem urinando e pediu que saísse. O idoso diz que foi ignorado pelo rapaz e que pegou uma magueira para jogar água no estudante. Quando começou a molhá-lo, o jovem, segundo o relato de Paschoalini, aplicou-lhe uma gravata e desferiu socos em sua cabeça. O aposentado afirma que caiu no chão, e o estudante voltou para a festa. Encaminhado para o hospital, o idoso levou cinco pontos na cabeça.

+ Ingestão rápida pode ter agravado efeito do álcool em universitário

O caso foi registrado no 2º Distrito Policial de Santo André e será investigado pela Delegacia de Proteção ao Idoso. Segundo o delegado titular, Darci Freitas, o jovem já foi intimado e deve fazer exame de corpo delito no Intituto Médico Legal (IML). "No primeiro depoimento ele disse que também tinha sido agredido. É importante ter acesso ao exame para saber se a versão dele é verdadeira", afirma Freitas. 

O delegado quer, no entanto, investigar a realização de festas pagas na república, que, de acordo com vizinhos, recebe cerca de 200 pessoas por evento. "Estão perturbando o sossego daquela comunidade. Eles precisam ter o alvará do Corpo de Bombeiros. Todo esse excesso tem que ser coibido antes", afirma. A Associação de Repúblicas Federais da Universidade Federal do Grande ABC (UFABC) e a universidade foram notificadas e deverão prestar esclarecimentos.

+ Universitário morto em Bauru bebeu pelo menos 25 copos de vodca

A foto de Ítalo Paschoalini foi divulagada por sua neta no Facebook e teve mais de 54 000 compartilhamentos. Em entrevista ao Diário do Grande ABC, o pai do jovem disse que ele recebeu ameaças pela internet e que, por isso, vai trancar o semestre na UFABC. “Desde sexta, quando as fotos se espalharam pela internet, não conseguimos sair de casa. Meu filho vem sendo ameaçado de morte pela internet, inclusive, estamos recebendo ligações de pessoas que querem saber nosso endereço."

O idoso diz estar bem. "Não quero continuar com a polêmica. Já superei um pouco, mas é um trauma para gente. Com 82 anos, nunca tive nenhum problema, nem pisei em uma delegacia. Fico chateado, mas espero que sirva de lição para esse pessoal que frequenta essas festas e para os pais que fiquem de olho nos filhos."

Fonte: VEJA SÃO PAULO