Turismo

Hóspede dorme ao lado de cavalo em haras de São Paulo

Criada para os aficionados pelo animal, suíte tem diárias a 780 reais e cocheira particular; "o barulho que faz é até terapêutico, ajuda a dormir", anuncia a proprietária

Por: Nataly Costa - Atualizado em

Haras quarto cavalo (1)
Suíte Royal: quarto, sala e cavalo (Foto: Lucas Lima)

O Haras Nossa Senhora de Fátima, em Atibaia, a 66 quilômetros de São Paulo, entrou recentemente no ramo da hotelaria. Há pouco menos de um mês, nove quartos foram inaugurados para abrigar turistas que querem curtir o clima interiorano de hotel fazenda e, principalmente, apaixonados por animais que desejam praticar montaria ou somente estar perto dos cavalos. São quase oitenta exemplares de puro-sangue lusitano, que ficam aos cuidados da criadora Giovanna da Matta e sua irmã e sócia, a dermatologista Carla Vidal. 

Um dos quartos recém-inaugurados, porém, tem um apelo incomum. Com ares de suíte presidencial, com vista para as montanhas da Atibaia e a pista de treinamento da propriedade, o quarto tem uma cocheira particular, o que proporciona ao hóspede dormir ao lado de seu cavalo - não exatamente no mesmo cômodo, mas próximo o suficiente. A cocheira é aberta para a sala e separada do quarto apenas por uma parede fina, feita de tapume reciclado.

Haras quarto cavalo (2)
Ideia é fazer hóspede interagir 24 horas por dia com o animal (Foto: Lucas Lima)

Não é preciso ser dono de um desses bichos para se hospedar. A diária custa 780 reais e inclui um dos potros ou garanhões que vivem no haras. "Para quem é apaixonado, é o melhor dos mundos. Você não simplesmente cuida do animal, interage e depois vai dormir. Você janta, toma um vinho e assiste televisão com o cavalo ao lado", explica Giovanna. Ainda em esquema de "soft opening" (pré-inauguração), a suíte tem uma reserva para a próxima semana: mãe e filha - uma montadora profissional - vêm de Los Angeles aproveitar a experiência. Um outro desses aposentos já está nos planos.

O cheiro característico e o barulho, que podem ser empecilhos para os leigos, não devem ser um problema para os hóspedes. "Quem ama cavalo, ama o cheiro. E o barulho que faz durante a noite é até terapêutico, ajuda a dormir", defende a proprietária. A higiene é tarefa dos funcionários do haras, que limpam diariamente a cocheira. 

Haras quarto cavalo (3)
Giovanna da Matta: "é o sonho de qualquer apaixonado por cavalo" (Foto: Lucas Lima)

 

 

 

 

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO