Segurança

Guia de sobrevivência em sete passos

Pequenos cuidados podem evitar, ou pelo menos dificultar, a ação dos ladrões

Por: Pedro Henrique Araújo, Claudia Jordão e João Batista Jr. - Atualizado em

Capa 2256 - Malas
Mala de grife e excesso de bagagem: tudo isso pode chamar a atenção dos ladrões (Foto: Thinkstock)

1. Evite estrear a mala de grife — cintilante de nova —, que chama mais atenção. O ladrão pode achar que o conteúdo é tão valioso quanto a embalagem.

2. Não deixe nenhum objeto nos bolsos de fora da bagagem. Eles viram presa fácil. 

3. Para prevenir furto de sapatos, coloque cada pé em uma mala. Quando o ladrão não vê a mercadoria completa, costuma desistir do roubo.

4. Confunda o assaltante: se estiver com alguma mala de bebê, guarde dentro dela os eletrônicos (laptop, tablet...). Esse tipo de valise nunca é a primeira opção de quem quer roubar.

+ Como funciona a segurança de outros aeroportos

+ Conheça os bandos especializados que perturbam a paz dos passageiros

+ Dez dicas para não ser deportado

+ Os problemas mais comuns nos passeios internacionais e como evitá-los

5. Não viaje com um número excessivo de volumes. É mais difícil administrar tanta bagagem na hora de fazer o check-in e, sobretudo, no momento de retirá-la da esteira.

6. Fique ainda mais atento nos horários com menos efetivo policial, entre meia-noite e 6 da manhã.

7. Quando achar necessário, use o serviço de embalagem da mala despachada, disponível nos grandes aeroportos. Em poucos minutos, a bagagem é enrolada em um plástico, o que diminui o risco de violação.

Fonte: VEJA SÃO PAULO