publicidade

Música erudita

Confira os destaques da temporada 2013 de concertos

Veja quem toca nos programas da Osesp, Mozarteum, Cultura Artística, Tucca e Orquestra Bachiana

21.dez.2012 | Atualizada em 18.jun.2013 por Redação VEJASÃOPAULO.COM

A temporada de concertos em 2013 da Orquestra Sinfônica do Estado, Mozarteum Brasileiro, Sociedade de Cultura Artística, Tucca e Orquestra Filarmônica Bachiana SESI-SP está definida e trará grandes nomes da música erudita.

Mas é preciso ficar atento, pois alguns pacotes já podem ser adquiridos. Além disso, o período de compras de novas assinaturas da Osesp, por exemplo, está encerrado. A partir de janeiro, entretanto, a bilheteria abre para ingressos avulsos. Para saber mais sobre o cronograma de vendas dessa e das demais orquestras, leia abaixo:

- Osesp

- Mozarteum Brasileiro

- Sociedade de Cultura Artística

- Tucca

- Orquestra Sinfônica Bachiana SESI-SP

Se, no entanto, ainda tem dúvidas no que investir, confira nossa seleção com os destaques do ano novo:

MARÇO

12/3 - A Orquestra Filarmônica Bachiana SESI-SP interpreta O Diálogo Ente Vênus, Azrael e Ogum, de Leonardo Martinelli, Concerto para Piano e Orquestra n° 22, K. 482, de Mozart (com o pianista Arthur Moreira Lima como solista), e Sinfonia n° 41 – Júpiter, de Mozart.

14 a 16/3 - O maestro finlandês Osmo Vänskä rege a Osesp em uma interpretação da Missa Glagolítica, do tcheco Leos Janácek.

17/3 - Sob a regência do maestro João Carlos Martins, a Bachiana toca Concerto para dois Contrabaixos Bottesini, de Valéria Poles e Sérgio de Oliveira, Concerto 24 Mozart em dó menor K 491, de Vera Astrachan, e Sinfonia 94 Surpresa, de Haydn.

24/3 - O Quinteto com Piano em Mi Bemol Maior Op. 44, de Robert Schumann, ganha versão do Quarteto Osesp, com participação do pianista americano Nicholas Angelich.

Orquestra Sinfônica de Montreal
Orquestra Sinfônica de Montreal
(Foto: Divulgação)

ABRIL

2 e 3/4 - A mezzo-soprano búlgara Vesselina Kasarova é considerada uma das divas de sua geração e aclamada por sua excelência técnica. Kasarova será acompanhada pela Camerata Bern, orquestra de câmara que brilhou na Temporada 2011 do Mozarteum.

9/3 - O violinista britânico Daniel Hope, acompanhado de Gaurav Mazudar (cítara), Simon Crawford-Phillips (piano) e Vishal Nagar (tabla), interpreta composições de Ravel, Béla Bártok, Toru Takemitsu, Manuel de Falla e Gaurav Mazumdar. (Tucca)

11 a 13/4 - A contralto francesa Nathalie Stutzmann entoa o ciclo Wesendonck Lieder, de Richard Wagner, além de interpretar o "Prelúdio e Morte de Amor", de Tristão e Isolda. Regência de Sir. Richard Armstrong. (Osesp)

13 e 14/4 - Sob a regência do russo Vladimir Lande, a Orquestra Sinfônica Nacional da Lituânia se apresenta pela primeira vez no Brasil. (Mozarteum)

23 e 24/4 - Com quase 80 anos de uma história, a Orquestra Sinfônica de Montreal faz parte da temporada do Cultura Artística.

27/4 - Com solo de Juliana D’Agostini, a Orquestra Filarmônica Bachiana SESI-SP apresenta Divortium Aquarum, de Marsilio Onofre, e Concerto para Piano e Orquestra n° 20 em ré menor K. 466, de Mozart.

29/4 - Programa do Mozarteum traz apresentação do Curtis On Tour, quarteto formado por alunos e professores do Instituto Curtis, da Filadélfia (EUA), e um dos principais conservatórios do mundo. Na direção e tocando viola está Roberto Diaz, ex-aluno do instituto, e hoje seu presidente. Completam o grupo o violonista Jason Vieaux, o violinista Soovin Kim, e John-Henry Crawford, de apenas 19 anos, revelação no violoncelo.

 

MAIO

9 a 11/5 - A pianista francesa Hélène Grimaud sola no Concerto Nº 5 em Mi Bemol Maior Op. 73 – Imperador, de Beethoven, regida pelo conterrâneo Stéphane Denève. (Osesp)

6 e 7/5 - Vencedor de quinze prêmios Grammy e do Avery Fisher Prize, o violoncelista Yo-Yo Ma é uma verdadeira celebridade da música erudita. Aqui, ele contará com a participação de uma parceira de longa data, a pianista britânica Kathryn Stott. (Cultura Artística)

19/5 - A Filarmônica Bachiana conta com a participação do solista Jean-Louis Steuerman para interpretar Grená, de Valéria Bonafé e Concerto para Piano e Orquestra no. 21 K. 467, de Mozart. (Bachiana)

21/5 - Influenciado pelo trabalho de Nat King Cole, Joe Williams e Donny Hathaway, o vocalista de jazz Gregory Porter interpreta, entre outras canções, o hit Be Good, do álbum de mesmo nome. (Tucca)

23 e 24/5 - Um dos mais importantes conjuntos de câmara da Europa Central, a Orquestra de Câmara Franz Liszt, sediada em Budapeste, completa 50 anos de atividade em 2013. A apresentação no Brasil terá ainda o flautista principal da Filarmônica de Berlim, Emmanuel Pahud. (Cultura Artística)

Orquestra Real do Concertgebouw
Orquestra Real do Concertgebouw
(Foto: Divulgação)

JUNHO

2 e 5/6 - O Quarteto Borodin notabilizou-se por interpretações dos quartetos de Beethoven e Shostakovich. O repertório atual também contempla a obra de câmara de Tchaikovsky, Haydn, Mozart, Schubert e Brahms, além da literatura musical do século XX, de Barber, Stravinsky e Schönberg. (Cultura Artística)

2/6 - Sonia Rubinsky será a solista na apresentação da Filarmônica Bachiana na interpretação do Concerto Sem Título, de Edson Beltrami, e Concerto para Piano e Orquestra no. 23 em lá maior K. 488, de Mozart.

4/6 - Regida pelo maestro João Mauricio Galindo, a Orquestra Sinfônica do Conservatório de Tatuí interpreta a popular cantata Carmina Burana, de Carl Orff. (Tucca)

13 a 15/6 - Discípulo de Alfred Brendel, o pianista inglês Paul Lewis se dedica ao Concerto Nº 1 em Ré Menor Op. 15, de Brahms. Outro britânico, o maestro Frank Shipway, rege a Osesp na Quarta Sinfonia, de Sibelius.

16/6 - O pianista inglês Paul Lewis toca, em recital-solo, as três últimas sonatas para piano de Franz Schubert. (Osesp)

18/6 - Apresentação do Menuhim Trio, composto pelo violoncelista alemão Leonard Elschenbroich, pela violinista escocesa Nicola Benedetti e pelo pianista russo Alexei Grynyuk. (Mozarteum)

24 e 25/6 - Perto de completar 125 anos, a Orquestra Concertgebouw acumula mais de 1.000 gravações, colaborações célebres com Mahler, Berio e Stravinsky e o título de “Melhor Orquestra Sinfônica do Mundo”, atribuído pela revista Gramophone em 2008. Denis Matsuev, um dos principais pianistas russos da atualidade, estará presente. (Cultura Artística)

 

JULHO

30/7 - O maestro João Carlos Martins comanda a Orquestra Bachiana nas interpretações do último movimento da Sinfonia concertante, de Mozart, e do Concerto para Trompa, de Samuel Hanzem.

29 e 31/7 - Segundo o jornal inglês The Gardian, o polonês Piotr Anderszewski é um “pianista de um brilhantismo inspirador”. Sua gravação mais recente, com obras de Schumman, recebeu da BBC Music Magazine o prêmio de “Gravação do Ano”. Ele é reconhecido pela crítica pela originalidade e intensidade de suas interpretações. Integra a nova temporada da Cultura Artística.

 

AGOSTO

1º e 2/8 - Sob a regência do maestro Paavo Järvi, a Filarmônica de Câmara Alemã de Bremen executa, em quatro concertos, o ciclo das nove sinfonias de Beethoven. (Mozarteum)

22 a 24/8 - Marin Alsop lembra o público de que uma de suas especialidades é o austríaco Gustav Mahler. A maestrina americana sobe no pódio para reger uma performance da Sinfonia Nº 1 em Ré Maior – Titã. (Osesp)

31/8 e 1º/9 - O violinista Joshua Bell é quase um popstar. Com mais de quarenta álbuns lançados, acumula reconhecimentos como o Avery Fisher Prize (2007) e o Musical America Award (2010). Em 2013, ele também percorrerá a Europa numa turnê com a Filarmônica de Nova York. (Cultura Artística)

Soprano inglesa Ania Vegry
Soprano inglesa Ania Vegry
(Foto: Divulgação)

SETEMBRO

3/9 - Aos 29 anos, a soprano inglesa Ania Vegry é uma das mais aclamadas artistas de sua geração. Nos espetáculos no Brasil, será acompanhada pela Arte Ensemble, orquestra de câmara fundada por membros da NDR Radiophilarmonie. (Mozarteum)

14/9 - A Orquestra Filarmônica Bachiana SESI-SP encerrra sua temporada 2013 tocando Rito de Evocações Ancestrais, de Matheus Bitondi, Concerto nº 1 Beethoven, de Caio Pagano, e Sinfonia 36 Linz, de Mozart.

18 e 21/9 - Recém-anunciada como uma das vencedoras do Rockefeller Awards 2012 por sua contribuição à arte, a pianista venezuelana Gabriela Montero já se apresentou com as filarmônicas de Los Angeles e Nova York e sob a regência de maestros como Claudio Abbado, Gustavo Dudamel e Lorin Maazel. Está na programação da Cultura Artística.

22/9 - Reunião do violinista austríaco Benjamin Schmid com o pianista croata Dejan Lazic. A dupla toca as três sonatas para violino e piano de Brahms. Música de câmara na agenda da Osesp.

24/9 - A soprano sul-coreana Sumi Jo, acompanhada do pianista inglês Gary Matthewman, canta famosas árias de óperas que marcaram a história da música erudita. (Tucca)

28 e 29/9 e 30/9 e 1º/10 - A Orquestra Sinfônica NDR, fundada em 1945 na Alemanha, vem ao Brasil para quatro apresentações, sob o comando de Thomas Hengelbrock. O grupo apresentará um concerto especial para crianças e outro na área externa do Auditório Ibirapuera, ambos gratuitos, além de dois espetáculos na Sala São Paulo. (Mozarteum)

 

OUTUBRO

19 e 20/10 - Com 103 anos de história, a Sinfônica Finlandesa de Lahti é a mais importante orquestra nórdica. Faz parte da temporada 2013 da Cultura Artística.

22/10 - A cantora, atriz e bailarina alemã Ute Lemper, que já atuou em musicais como Chicago, Cats e O Anjo Azul, apresenta um concerto em duas partes: a primeira com canções baseadas na poesia de Pablo Neruda e a segunda com músicas de Kurt Weil, Jacques Brel e Edith Piaf. (Tucca)

 

NOVEMBRO

2 e 6/11 - A produção musical datada entre 1600 e 1800 é a especialidade do Combattimento Consort Amsterdam. Em São Paulo, o grupo terá a seu lado a primeira holandesa premiada pelo Concurso Internacional Tchaikovsky de Moscou, a violoncelista Quirine Viersen. (Cultura Artística)

4 e 5/11 - Uma das mais jovens do cenário europeu, a Orquestra Sinfônica de Bucareste (Romênia) já é muito respeitada por sua técnica e inovação. Ela é regida por Benoît Fromanger, que começou sua carreira musical como solista titular da orquestra da Ópera Nacional de Paris. (Mozarteum)

14 a 16/11 - Desconhecido no Brasil, o talentoso compositor alemão Bernd Alois Zimmermann tocará seu Concerto para Oboé e Pequena Orquestra, com solos do brasileiro baseado na Alemanha Washington Barella. (Osesp)

26/11 - Formado pelo pianista Vincent Coq, o violinista Jean-Marc Phillips-Varjabédian e o violoncelista Raphaël Pidoux, o Trio Wanderer comemora 25 anos com duas obras-primas: Trio opus 100, de Schubert, e Triplo Concerto, de Beethoven. (Tucca)

Maestrina da Osesp Marin Alsop
Maestrina da Osesp Marin Alsop
(Foto: Grant Leighton)

DEZEMBRO

12 a 14/12 - Marin Alsop encerra a temporada da Osesp com A Sagração da Primavera, talvez a obra musical mais importante do século XX. Espera-se que o público não repita o comportamento da estreia, em maio de 1913, em Paris, quando até a polícia francesa precisou ser acionada, tamanha a revolta dos presentes com os experimentos de Igor Stravinsky.

publicidade

X

Avaliação de VEJA SP

Não foi avaliado

Avaliação de VEJA SP

Péssimo

Avaliação de VEJA SP

Fraco

Avaliação de VEJA SP

Regular

Avaliação de VEJA SP

Bom

Avaliação de VEJA SP

Muito bom

Avaliação de VEJA SP

Excelente

Avaliação dos usuários

Ainda não foi avaliado

Avaliação dos usuários

Péssimo

Avaliação dos usuários

Fraco

Avaliação dos usuários

Regular

Avaliação dos usuários

Bom

Avaliação dos usuários

Muito bom

Avaliação dos usuários

Excelente

Avaliação do usuário

Péssimo

Avaliação do usuário

Fraco

Avaliação do usuário

Regular

Avaliação do usuário

Bom

Avaliação do usuário

Muito bom

Avaliação do usuário

Excelente

Péssimo

Fraco

Regular

Bom

Muito bom

Excelente

Comente

Envie por e-mail