Terraço Paulistano

Gisele Bündchen: sem protetor solar

Durante lançamento de sua linha de cosméticos, top disse que não usa nada sintético

Por: João Batista Jr.

Gisele Bündchen
Ela, em São Paulo: sol, só das 5h30 às 8 horas (Foto: Naretto Junior)

Praticamente unanimidade entre os médicos, a recomendação de usar protetor solar ganhou uma opositora. Ela mesma, Gisele Bündchen. “Não posso colocar esse veneno na minha pele”, declarou a modelo, na última quinta, num encontro com jornalistas em São Paulo. Ela se referia ao FPS, agente presente nesses produtos. “Não uso nada sintético.” Gisele disse que pouco se expõe ao sol — só quando surfa, das 5h30 às 8 horas. (Nesse horário, o protetor não é artigo de primeira necessidade.)

Depois, demonstrou sua porção guru de autoajuda no evento, que serviu para o lançamento da linha de cosméticos dela, batizada de Sejaa. Tanto os cosméticos quanto suas embalagens foram anunciados como (adivinhou!) sustentáveis. Visivelmente (mais) magra, a loira deslanchou a falar — misturando português com inglês — de bem-estar e beleza. Outros momentos da palestrante:

■ “É preciso acordar de bem com a vida. Senão tudo dá errado: o pé bate na quina da cama logo de manhã, depois um raio cai na cabeça no meio da rua...”

■ “Vamos inspirar e respirar fundo três vezes para sentir nosso corpo.”

■ “Prometem que vão tirar uma hora do dia para si mesmos? É fundamental para ser feliz. Depois, podem voltar à rotina louca de sempre.”

■ “Tudo mudou quando parei de fumar. Comecei a meditar e a fazer ioga. Devemos tratar o corpo como um templo.”

■ “Não adianta comer coisas saudáveis e deixar a pele de lado. Passar creme é fundamental.”

Fonte: VEJA SÃO PAULO