Cidade

Garoto de três anos vítima de atropelamento tem morte cerebral

Kauan Israel Castro da Silva estava entre as quinze pessoas que foram atingidas por carro quando saíam de culto evangélico

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Avenida Roland Garros
Carro do motorista que atropelou quinze pessoas na Zona Norte (Foto: Adriano Lima/Alpha/Folhapress)

O garoto de três anos que estava entre as quinze pessoas atropeladas em frente a uma igreja na Zona Norte teve morte cerebral confirmada nesta quinta-feira (13).

Kauan Israel Castro da Silva estava internado desde domingo no Hospital das Clínicas após ter sofrido politraumatismos em decorrência do atropelamento.

O garoto e outras quatorze pessoas foram atingidas por um veículo desgovernado e em alta velocidade quando deixavam um culto evangélico na Vila Medeiros. Levado ao HC, Kauan passou por cirurgia para retirada do baço.

Renan Bento da Silva
Renan da Silva: motorista que atropelou quinze pessoas (Foto: Marco Ambrosio/Folhapress)

O motorista Renan Bento da Silva, de 26 anos, que continua foragido, afirmou ao Jornal da Record que estava em alta velocidade. Silva disse ainda que fugiu do local porque ficou com medo de ser agredido. Polícia vai pedir a prisão de Silva por homicídio com dolo eventual, lesão corporal, omissão de socorro e porte de drogas. A polícia encontrou porções de maconha e cocaína no Fiat Marea que Silva dirigia.

Outra vítima que foi internada em estado grave, o pastor Washington Pirola continua hospitalizado. Seu estado é grave, mas estável. Ele permanece na UTI da Santa Casa.

Fonte: VEJA SÃO PAULO