Feriado

Fuja do Carnaval - Cinema e Teatro

Belas Artes terá programação dedicada a quem quer ver filmes nos dias de folga

Por: Anna Carolina Oliveira - Atualizado em

Cine Belas Artes passa por problemas financeiros
As poltronas de couro do Kinoplex Vila Olímpia (Foto: Fernando Moraes)

Prestes a fechar suas portas, o Cine Belas Artes preparou uma sessão especial para os paulistanos que preferem uma telona e pipoca ao batuque das escolas de samba. Intitulado "Carnaval de Clássicos", o especial conta com seis longas, exibidos de sexta (4) a quarta (9). Existe ainda a opção das peças de teatro, com produções como "Gaiola das Loucas" e "Mambo Italiano".

  • Durante os dias de folia, o Belas Artes exibe cinco filmes cults dirigidos por cineastas conceituados, como Pier Paolo Pasolini, Jacques Tati, Pedro Almodóvar, entre outros. As sessões acontecem sempre às 19h. De 04/03 a 09/03.
    Saiba mais
  • Adaptação de Miguel Falabella para musical de Harvey Fierstein e Jerry Herman. Com base no espetáculo lançado na Broadway em 1983, inspirado na peça La Cage aux Folles, do francês Jean Poiret, Falabella realizou a luxuosa versão brasileira do musical. Ele também é o protagonista da montagem ao lado de Diogo Vilela. Em meio a quarenta trocas de cenários, 300 figurinos e 100 perucas, está um elenco afinado de 25 atores e catorze músicos. Georges (papel de Falabella) é o proprietário de um luxuoso cabaré cuja estrela é o transformista Zazá (Vilela). Longe do palco, ele é Albin e mantém com Georges um casamento de duas décadas. Juntos, eles criam um garoto (Davi Guilherme) que quer se casar com a filha de um político homofóbico (Carlos Leça). Estreou em 23/10/2010. De 06/01/2011 a 20/03/2011.
    Saiba mais
  • Resenha por Dirceu Alves Jr.: De Steve Galluccio. A trama enfoca as relações humanas por meio de duas famílias do bairro da Mooca. O ator Alex Moreno é um advogado que titubeia em assumir sua homossexualidade, mesmo vivendo com seu vizinho de infância, um roteirista interpretado por Alexandre Cruz. Quando a situação chega ao conhecimento dos pais de ambos, o peso das tradições e do preconceito passa a ser medido e confrontado com o amor que os une. Estreou em 07/01/2011. Prorrogado até 27/05/2012.
    Saiba mais
  • Sucesso desde 2008 com diferentes elencos, a comédia traz personagens portadores de TOC, o transtorno obsessivo-compulsivo, na antessala de um consultório. Como o médico nunca aparece, a solução é iniciar uma terapia grupal. Com Dulcineia Dibo, Dídio Perini, João Bourbonnais, Luciana Caruso e outros. Estreou em 10/5/2008. Até 29/3/2015.
    Saiba mais
  • Sucesso há 30 anos, a comédia de Marcos Caruso é baseada na suspeita de adultérios múltiplos. Uma empregada (papel de Anastácia Custódio) envolve seus patrões e dois casais em confusões. Com Ivan de Almeida, Carla Pagani, Tânia Casttello, Miguel Bretas e outros. Estreou em 24/8/1989. Até 11/12/2016.
    Saiba mais
  • Com referências ao filme homônimo, de Alfred Hitchcock, e ao grupo inglês Monty Python, a comédia de Patrick Barlow tem direção de Alexandre Reinecke. Richard Hannay (papel de Danton Mello) envolve-se no assassinato de uma agente secreta (a atriz Rosanne Mulholland) e cruza com uma série de personagens em um ágil e divertido jogo sustentado por criativos efeitos e bons atores. Com Henrique Stroeter e Paulo Goulart Filho. Estreou em 28/8/2010. Até 27/7/2014.
    Saiba mais
  • Em um restaurante de massas, clientes expressam seus vícios e virtudes, preocupações, frustrações e desejos.
    Saiba mais
  • O desastrado Mr. Hulot (Jacques Tati) passa férias em um hotel próximo a um balneário francês. Lá ele se envolve em uma onda de catástrofes que geram estranheza e simpatia nos hóspedes.
    Saiba mais
  • Wilkie é uma cantora que se torna muito famosa na Alemanha de Hitler após ter gravado a canção "Lili Marlene”. Mas a fama não lhe traz felicidade. Ela vive um romance proibido com um judeu e se envolve com a resistência nazista.
    Saiba mais

Fonte: VEJA SÃO PAULO