Televisão

Faustão critica governo por alastramento do zika vírus

Apresentador levou especialista ao palco para falar sobre prevenção da doença e reclamou da atuação das autoridades

Por: Veja São Paulo

faustaozika
O apresentador Fausto Silva (Foto: Reprodução)

O apresentador Fausto Silva voltou a criticar o governo Dilma Rousseff no Domingão do Faustão, no início da noite de hoje (31). Depois de citar a crise econômica e a corrupção em programas em meses anteriores, ironizou o combate ao zika vírus, transmitido pelo mosquito Aedes Aegypti.

Sem ser específico ou citar nomes, criticou "ministro" da gestão federal que teria considerado que não havia tantos motivos para se preocupar. Declarou que "nada foi feito" e a doença "se alastrou" "pela América Latina" e "pelo mundo".

Depois, fez ponderações sobre a responsabilidade do governo atual. "Desde que Cabral chegou, sempre deu m... Não adianta colocar a culpa naquele partido, ou no outro partido...". Ao final do quadro, ainda disse que a população precisa tomar atitudes e não esperar apenas do poder público. "Até porque poder público no Brasil a gente sabe como é."

+ Disseminação do zika provoca correria nas farmácias de São Paulo

A atriz Deborah Secco, que deu à luz a menina Maria Flor, em dezembro, participou por teleconferência do programa, e disse que nos últimos meses da gravidez teve muito medo do contágio. Afirmou também que se preocupa com a irmã, gestante.

No palco, o infectologista Edimilson Migowski, doutor em Doenças Infecciosas e mestre em Pediatria pela UFRJ, esclareceu a dúvidas sobre a doença. Leia aqui a reportagem de VEJA SÃO PAULO a respeito do pânico causado pela doença.

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO