Bar

Falafa Bar & Deli alia petiscos árabes a sanduíches nova-iorquinos

Cunhados reúnem experiência fora do país e criam ambiente aconchegante nos Jardins

Por: Fabio Wright - Atualizado em

2174 Falafa Bar & Deli
O ambiente: pequeno e de tons escuros (Foto: Fernando Moraes)

Inaugurado um mês atrás, o Falafa Bar & Deli pode ser considerado um endereço metade árabe, metade americano. Seu cardápio alia receitas com faláfel (o bolinho de grão-de-bico e favas oriundo do Oriente Médio) a releituras de sanduíches clássicos das lanchonetes nova-iorquinas, as “delis”. Pequena e um tanto escura, a casa foi aberta pelos cunhados Amnon Armoni, professor de moda e marketing que já morou em Nova York e Paris, e Rocco Bidlovski, músico que nos anos 80 integrou a banda Tokyo e estava radicado em Los Angeles. A dupla convocou a consultora Ana Soares para criar o menu.

Interessante opção de entrada, a apetitosa degustação de homus (R$ 24,50) traz a pasta de grão-de-bico em cinco sabores: tradicional, manjericão, beterraba, azeitona e tomate. Sequinho e moldado na colher, o bom faláfel pode ser provado tanto em porção (R$ 16,50 a inteira; R$ 9,50 a meia) como em seis sugestões montadas no pão pita — que custam de R$ 16,00 a R$ 23,00 e exigem certo cuidado ao comer para não desmontar. Típico de Nova York, o sanduíche reuben (R$ 25,50) ganhou tentadora versão com pastrami, queijo prato, salada de repolho, pepino em conserva e homus de beterraba no pão preto. O time etílico inclui cervejas como a paulista Colorado Appia (de trigo; R$ 19,00) e a americana Brooklin Lager (R$ 14,00), esta deliciosamente amarga. Prove a arakirinha de limão-siciliano e abacaxi (R$ 14,90). Trata-se de uma caipirosca que leva um toque de áraque (destilado de uva com anis).

BEBIDAS ✪✪✪ | AMBIENTE ✪✪✪ | COZINHA ✪✪✪

Fonte: VEJA SÃO PAULO