Exposições

Cai Guo-Qiang mostra seu trabalho nas ruas do Centro

O artista chinês foi o responsável pela pirotecnia das cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Olímpicos de Pequim

Por: Livia Deodato - Atualizado em

Cai Guo-Qiang
As peças exibidas ao ar livre: grandiosidade (Foto: Fernando Moraes)

Aviões estão dando rasantes entre os prédios da região central. Há ainda um submarino que flutua sem precisar de água, enquanto um disco voador permanece à espreita de quem passa por ali. Eles poderiam estar no cenário de um filme de ficção científica, mas são parte da megaexposição do chinês Cai Guo-Qiang. Tudo começa nas ruas e segue pelo Centro Cultural Banco do Brasil e pelo Prédio Histórico dos Correios.

+ Leia entrevista completa com o artista chinês

Cai Guo-Qiang
Painel inédito feito com pólvora, no átrio do CCBB (Foto: Fernando Moraes)

Intitulada Da Vincis do Povo, a mostra reúne catorze instalações entre trabalhos grandiosos do chinês e obras criadas por camponeses de seu país, caso dessas peças exibidas ao ar livre e de um porta-aviões colocado dentro dos Correios. Diretor de efeitos especiais das cerimônias de abertura e encerramento dos Jogos Olímpicos de Pequim, em 2008, Guo-Qiang é autor de enormes painéis inéditos feitos com pólvora (o maior deles está no átrio do CCBB). Vale apreciar ainda uma instalação multimídia formada por quarenta pipas de bambu e seda.

AVALIAÇÃO ✪✪✪

Fonte: VEJA SÃO PAULO