Alfaiataria

Evolução de estilo

Após décadas produzindo apenas tecidos de lã, a Ermenegildo Zegna passou a cortar costumes em 1968. Agora é a vez do terno de seda

Por: Simone Esmanhotto, de Trivero

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

De 1970 a 2012, acompanhe a evolução dos modelos dos costumes masculinos.

+ Veja a galeria dos ternos da marca

+ Ermenegildo Zegna faturou 2 bilhões de reais no ano passado

Fonte: VEJA SÃO PAULO