Comportamento

A tal da “Netiqueta”

Blogueiros e especialistas em internet dão dicas para usar gadgets e se comunicar no mundo virtual sem aborrecer os outros

Por: Daniel Bergamasco

Netiqueta - 2247
(Foto: Veja São Paulo)

1. ”Está à mesa com alguém? Concentre-se na conversa, não em acessar seu aparelho. Mostre que se importa com quem está à sua frente.”

Claudia Matarazzo, consultora de etiqueta, autora do blog Fino Trato no site de VEJA SÃO PAULO

2. ”Não se irrite se o seu e-mail não for respondido rapidamente. As demandas da internet são ilimitadas e nossa capacidade de responder a elas é apenas humana. O mesmo vale para scraps ou mensagens em redes sociais.”

Ronaldo Lemos, coordenador do Centro de Tecnologia e Sociedade, da FGV

+ A cidade que não desliga: um panorama do celular em São Paulo

+ Diário digital de Luiza Possi e Carlos Bertolazzi

+ Conexões cotidianas dos famosos

+ Teste: você é dependente da internet?

3. ”Não ouça música na rua sem fone de ouvido e, por favor, não use seu aparelho no viva voz em qualquer lugar. Ninguém está interessado em fazer parte da sua conversa.”

PC Siqueira, VJ

4. ”Se quiser compartilhar uma chamada por viva voz, avise o interlocutor. É muito chato perceber minutos depois que você está participando de uma palestra.”

Phelipe Cruz, do blog Papel Pop

5. ”Nas redes sociais, não fique registrando a presença de outros em eventos por meio de ‘tags’. As pessoas têm direito a escolher se querem ou não expor sua vida na internet.”

Phelipe Cruz

+ Conheça os blogs de VEJINHA.COM

+ 50 programas para fazer neste fim de semana

6. “É horrível o número de internautas que faz xingamentos pesados e destaca defeitos físicos de outras pessoas, especialmente de personalidades. Você não está em uma rodinha de bar: o alvo de seus comentários pode de fato ler o que você escreveu e ficar abalado.”

Phelipe Cruz

7. ”Em e-mails por smartphone ou tablet, é melhor retirar a frase que diz ‘Enviado do meu aparelho tal’. Ninguém precisa receber uma propaganda junto com todos os e-mails. A exceção é quando a mensagem for muito curta ou cheia de abreviações, deixando claro a impossibilidade de responder adequadamente.”

Ronaldo Lemo

8. “Se for tirar foto de alguém em local público, peça licença antes.”

PC Siqueira

9. ”No Facebook, não compartilhe todo link ou arquivo que achar pela frente. Não encha sozinho a timeline alheia.”

PC Siqueira

10. “No e-mail, não seja o rei das listas, que manda aquele monte de mensagens coletivas. Você acaba se tornando desagradável para muita gente.”

Claudia Matarazzo

Fonte: VEJA SÃO PAULO