Mistérios da Cidade

Estádio do Morumbi ganha estúdio de gravação

O AudioArena funcionará como camarote, animado por apresentações musicais, nos dias de jogo

Por: Carolina Giovanelli

audioarena-nova
Vista privilegiada: dois publicitários estão por trás do projeto (Foto: Daniel Chalfon)

O estádio do Morumbi já foi palco de apresentações de gigantes como Paul McCartney, Madonna e Beyoncé. Em breve, artistas não tão conhecidos também poderão tocar suas canções apreciando a vista do gramado tricolor. Criado pelos publicitários Daniel Chalfon e Luiz Fernando Vieira, sócios das agências Loducca e Africa, respectivamente, o estúdio AudioArena reúne equipamentos de última tecnologia, entre eles uma mesa de som importada da Inglaterra que custa 100 000 dólares, em média. Seu foco são as gravações e, em alguns casos especiais, os ensaios.

 

A hora de cada sessão deve custar 200 reais. Nos dias de jogo de futebol, como no caso de sua inauguração, prevista para 19 de julho — data de São Paulo x Chapecoense —, o espaço de 200 metros quadrados funcionará como camarote, animado por apresentações musicais. 

Estúdio Estádio do Morumbi
O estúdio: equipamentos de até 100 000 dólares (Foto: Daniel Chalfon)

Fonte: VEJA SÃO PAULO