Transporte público

Estação São Miguel da CPTM começa a funcionar nesta segunda (29)

Nova e antiga estação trabalharão em operação compartilhada até o próximo dia 4

Por: Redação VEJA SÃO PAULO

Nova estação São Miguel - CPTM
Interior da nova estação São Miguel da CPTM: custo de R$ 45,9 milhões (Foto: Reprodução)

A CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) anunciou que a nova estação São Miguel será inaugurada nesta segunda-feira (29). Até o dia 4 de agosto, a operação será compartilhada com a antiga estação ferroviária, inaugurada em 1934 e que hoje recebe diariamente até 14 mil pessoas. Ela atenderá os usuários que desejem embarcar no sentido Calmon Viana. Já os trens com destino Brás deverão ser tomados a partir do novo complexo. Segundo a companhia, a obra custou ao todo  R$ 45,9 milhões.

A operação compartilhada tem por objetivo  não interromper as obras de interligação entre a antiga e a nova estação, que conta com um sistema sustentável de captação e reutilização das águas da chuva, utilizadas na limpeza das instalações. Ao fim da operação compartilhada, parte da antiga estação dará espaço a uma base operacional da CPTM. A outra parte, inutilizada, deverá ser demolida.

Velha Estação São Miguel - CPTM
A antiga estação São Miguel, inaugurada nos anos 1930: base operacional da CPTM (Foto: Divulgação)

O acesso à nova estação deverá ser feito pela Rua Beraldo Marcondes, em frente à praça Padre Aleixo Monteiro Mafra, conhecida como Praça do Forró. Outro acesso, na Rua Salvador de Medeiros, deve ser entregue em breve pela companhia.

Fonte: VEJA SÃO PAULO