Política

Participação de Erundina em debates é negada; candidatos reagem

Após decidão, Russomanno cogita não participar de debate; Haddad confirmar sua presença, mas defende a presença da concorrente

Por: Estadão Conteúdo

O prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), candidato à reeleição, disse neste sábado (20) que concorda com a participação de Luiza Erundina (PSOL), adversária nas eleições municipais, nos debates que serão transmitidos por emissoras de televisão. Depois de a ex-prefeita ter a participação em debates na TV negada pela Justiça Eleitoral, sua ida a esses eventos depende da aprovação dos concorrentes que, pelas regras da legislação eleitoral, podem participar desses debates.

candidatos prefeitura de são paulo 2016
Corrida pela prefeitura: Celso Russomanno, Marta Suplicy, Luiza Erundina, Fernando Haddad e João Doria (Foto: Divulgação/Luiz Maximiano/Adailton de Sousa Damasceno/Reprodução/Reprodução)

"No nosso caso, eu concordo com a participação da Erundina", disse Haddad, após participar de evento da campanha à reeleição do vereador Paulo Fiorilo (PT). O prefeito garantiu ainda que vai participar de todos os debates - defendendo sempre neles a participação de Erundina.

erundina campanha
Candidata à prefeitura de São Paulo Luiza Erundina pelo PSOL: ela está fora dos debates (Foto: Paulo Iannone / Framephoto / Estadão Conteúdo)

O candidato Celso Russomanno (PRB) afirmou que cogita não participar do debate do dia 22, promovido pela Rede Bandeirante. O motivo seria o impedimento da participação da candidata do PSOL, Luiza Erundina.

Erundina não participará do debate porque o PSOL não tem uma bancada com o tamanho mínimo exigido pela lei. A candidata entrou na Justiça contra a definição, mas seu pedido foi negado.

Fonte: VEJA SÃO PAULO