É Tudo Verdade

Sexta (5)

Confira a programação de hoje

Por: Redação VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

A Caminhonete
'A Caminhonete': em cartaz no Centro Cultural Banco do Brasil, às 20h (Foto: Divulgação)

CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL

14h - DINHEIRO À TOA: DENTRO DA RESERVA FEDERAL (Money For Nothing: Inside the Federal Reserve, 107 min., EUA, digital, 2012. Dir.: Jim Bruce)  Administradores, economistas, historiadores e investidores debruçam-se sobre o papel que o Federal Reserve (Fed), o banco central dos EUA, desempenhou no desencadeamento da crise global de 2008 – e analisam as possibilidades de que o desastre possa repetir-se em futuro próximo. O Estado das Coisas. Outra sessão: segunda (8), Reserva Cultural 2, 20h.

16h - PROGRAMA DE CURTAS DO IPES (Brasil, 53 min., 1962 – 1964) Curtas institucionais produzidos pelo IPES (Instituto de Pesquisas e Estudos Sociais), instituição que desenvolveu papel ativo no preparo da opinião pública para a interrupção do processo democrático brasileiro. O Ipes É o Seguinte (Brasil, 8 min.), Uma Economia Estrangulada (8 min.), O Brasil Precisa de Você (9 min.), Criando Homens Livres, de IPES – Instituto de Pesquisa e Estudos Sociais (10 min.), Conceito de Empresa (16 min.), Que é a Democracia? (Brasil, 10 min.) e O que É o IPES (8 min.). Retrospectiva Brasileira: “Jango”e o Caminho para 1964. Outra sessão: sábado (13), Centro Cultural Banco do Brasil, 18h.

18h - OS ANOS JK – UMA TRAJETÓRIA POLÍTICA (idem, 110 min., Brasil, beta, 1980. Dir.: Silvio Tendler) O legado do presidente Juscelino Kubitscheck (1902-1976) é o objeto deste documentário, que investiga suas realizações, como a construção de Brasília, sua política desenvolvimentista e as crises políticas vividas antes, durante e depois de seu governo. Retrospectiva Brasileira – “Jango” e o Caminho para 1964. Outras sessões: terça (9), Cinemateca BNDES, 20h; quarta (10), Cinemateca BNDES, 18h; sábado (13), Centro Cultural Banco do Brasil, 20h.

20h - A CAMINHONETE (The Truck, 71 min., EUA, Guatemala, digital, 2012. Dir.: Mark Kendall) Após cerca de 12 anos de uso, ônibus escolares dos EUA vão a leilão. Boa parte deles é arrematada por guatemaltecos que recolocam os veículos em circulação para transporte público em pontos do país. Empresários e motoristas recontam a trajetória desta transformação, marcada por iniciativa, criatividade e também riscos, impostos por gângsters ou policiais corruptos. Foco Latino-Americano.

 

CINE LIVRARIA CULTURA

13h – GIMKA E GOLKA E EU (Gimka and Golka and I, 27 min., Bélgica, digital, 2012. Dir.: Susanne Weck), APITO (Whistle, 17 min, Polônia, digital, 2012. Dir.: Grzegorz Zariczny), PORTO NOLLOTH: ENTRE UMA ROCHA E UM LUGAR DURO (Port Nolloth: Between A Rock And A Hard Place, 21 min., África do Sul, digital, 2012. Dir.: Felix Seuffert), O DIABO (The Devil, 7 min., França, digital, 2012. Dir.: Jean-Gabriel Périot), OS DIÁRIOS FÍLMICOS DE TURNER (The Turner Film Diaries, 26 min., EUA/Holanda/Taiwan, digital, Dir.: James T. Hong) Competição Internacional – Curtas. Outra sessão: segunda (8), Reserva Cultural 2, 16h.

15h - MINHA REVOLUÇÃO ROUBADA (My Stolen Revolution, 75 min., Suécia/Noruega/Inglaterra/EUA, digital, 2013. Dir.: Nahid Persson Sarvestani) Longe de seu país, o Irã, há 30 anos, fugindo das perseguições islamistas, a cineasta Nahid Persson parte ao encontro de diversas amigas ativistas que sofreram anos de prisão e tortura, revelando memórias dos primeiros tempos de funcionamento de uma máquina de repressão. Competição Internacional de Longas e Médias-Metragens. Outra sessão: quarta (10), Reserva Cultural 2, 18h.

17h – NOSSO NIXON (Our Nixon, 85 min., EUA, digital, 2013. Dir.: Penny Lane) A presidência de Richard Nixon é revisitada a partir do inédito material filmado por três dos seus assessores. Apreendidos pelo FBI, depois arquivados e esquecidos por quase 40 anos, estes filmes caseiros mostram fatos históricos e de sua intimidade, num testemunho de uma era triunfalista sem consciência da catástrofe iminente. Filme de encerramento do New Directors/New Films, Nova York, 2013. Competição Internacional de Longas e Médias-Metragens. Outra sessão: segunda (8), Reserva Cultural 2, 18h.

19h – PALME (idem, 105 min., Suécia, DCP (Digital Cinema Package), 2012. Dir.: Kristina Lindstrom e Maud Nycander) Líder do Partido Social-Democrata e duas vezes primeiro-ministro da Suécia, Olof Palme foi o político mais conhecido de seu país. Famoso pela firme oposição ao apartheid sul-africano e à guerra do Vietnã, o que lhe valeu problemas com os EUA, ele ressurge também em inéditos filmes super-8 familiares, procurando iluminar as muitas faces de um homem cujo assassinato ainda não foi esclarecido. Programas Especiais. Outra sessão: sábado (6), Reserva Cultural 2, 14h.

21h – PAULO MOURA - ALMA BRASILEIRA (idem, 86 min., Brasil, 2012. Dir.: Eduardo Escorel) Reunindo vestígios filmados e gravados ao longo de quatro décadas, o longa apresenta um retrato da carreira musical e da personalidade do clarinetista, saxofonista, compositor, arranjador e regente Paulo Moura, morto em 2010. Outra sessão: quinta (11), Cinemateca Brasileira - Sala BNDES, 20h.

23h - SOBRE SETE ONDAS VERDES ESPUMANTES (Over Seven Sparkling Green Waves, 74 min., Brasil, DCP (Digital Cinema Package). Dir.: Bruno Polidoro e Cacá Nazário) Santiago, Amsterdã, Berlim, Paris, Londres, Porto Alegre, São Paulo. As cidades que testemunharam a vida breve do poeta, dramaturgo e escritor Caio Fernando Abreu (1948-1996) são revisitadas e recobertas agora de fragmentos de suas obras e lembranças de seus amigos, como Maria Adelaide Amaral e Adriana Calcanhoto. O Estado das Coisas. Outra sessão: domingo (14), Centro Cultural Banco do Brasil, 20h.

 

RESERVA CULTURAL - SALA 2

14h - NASCIDO NA USSR - GERAÇÃO DE 28 (Born in the USSR - 28 Up, 209 min., Rússia/Inglaterra/Alemanha, digital, 2012. Dir.: Sergei Miroshnichenko) Em 1991, 20 crianças de 7 anos foram escolhidas na então União Soviética e filmadas continuamente a cada 7 anos. Acompanhou-se, assim, suas transformações pessoais até a fase adulta, e as drásticas guinadas econômicas e políticas de um país que se sonhou como superpotência e acordou fragmentado. Competição Internacional de Longas e Médias-Metragens. Outra sessão: quinta (11), Cine Livraria Cultura, 15h.

18h - ESTOU NO ESPAÇO (I Am In Space, 98 min., digital, 2012. Dir.: Dana Ranga) Recorrendo a entrevistas realizadas com astronautas e seus psicólogos e a filmagem do cosmonauta Jean-François Clervoy, o filme reconstitui a experiência de estar no espaço. O experimento científico e a auto-confiança mesclam-se com a consciência de que uma situação de risco requer reações rápidas para garantir a sobrevivência. Competição Internacional de Longas e Médias-Metragens. Outra sessão: terça (9), Cine Livraria Cultura, 15h.

20h - O COMISSÁRIO (The Commissioner, 53 min., Finlândia/Grécia. Dir.: Pekka Lehto) Comissário para Assuntos Econômicos e Monetários da União Europeia é acompanhado por dois anos, no delicado período em que teve que enfrentar o agravamento da crise grega e o mergulho da zona do euro na recessão, na primavera de 2010. Abalado pelos desafios, Olli Rehn procura alternativas para manter a união do continente. O Estado das Coisas. Outra sessão: sábado (6), Centro Cultural Banco do Brasil, 14h.

22h - OS CAPITÃES (The Captains, 96 min., EUA, digital. 2011. Dir.: William Shatner) O ator William Shatner, o primeiro e eterno capitão James Kirk da cultuada série Jornada nas Estrelas, parte em busca dos cinco atores que o sucederam no posto de comando da nave Enterprise nas sequências da série e nos longas nela baseados: Patrick Stewart, Chris Pine, Avery Brooks, Kate Mulgrew e Scott Bakula. O Estado das Coisas. Outras sessões: domingo (7), Centro Cultural Banco do Brasil, 18h; domingo (14), Cine Livraria Cultura, 15h. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO