É Tudo Verdade

Quinta (11)

Confira a programação de hoje

Por: Redação VEJA SÃO PAULO - Atualizado em

ANTES E DEPOIS DO JANTAR - É Tudo Verdade 2013
'Antes e Depois do Jantar': Reserva Cultural 2, 18h (Foto: Divulgação)

+ Confira a programação completa do festival

CENTRO CULTURAL BANCO DO BRASIL

14h - A VIDA E OS TEMPOS DE PAUL, O POLVO VIDENTE (The Life & Times of Paul the Psychic Octopus, 68 min., EUA, digital, 2012. Dir.: Alexandre O. Philippe) No Aquário Marinho de Oberhausen, na Alemanha, o polvo Paul tornou-se uma celebridade mundial a partir da crença de que teria sido capaz de adivinhar o resultado de oito jogos consecutivos da Copa do Mundo de 2010. Entrevistando seus fãs,  tratadores, matemáticos e outros especialistas, o filme explora os meandros deste fenômeno que decolou nas asas do Twitter e Facebook. O Estado das Coisas.

16h - A SEXTA PARTE DO MUNDO (The Sixth Part of the World, 83 min., URSS, 35 mm, 1926. Dir.: de Dziga Vertov) Nove anos após o triunfo da Revolução Bolchevique, uma visão panorâmica do estado das coisas pelo vasto território da nova URSS. Retrospectiva Internacional: Dziga Vertov. Outra sessão: sábado (13), Cinemateca Brasileira - Sala BNDES, 16h.

18h - O DÉCIMO PRIMEIRO ANO (The 11th Year, 66 min., URSS, 35 mm, 1928. Dir.: Dziga Vertov) Com um ano de atraso para a celebração da primeira década revolucionária, um hino à construção do socialismo a partir das realizações na Ucrânia, tendo ao centro a nova barragem no rio Dniepre. Retrospectiva Internacional: Dziga Vertov. Outra sessão: sábado (13), Cinemateca Brasileira - Sala BNDES, 18h.

20h - O HOMEM COM A CÂMERA  (The Man with the Movie Camera, 70 min., URSS, 35 mm, 1928. Dir.: Dziga Vertov) Um ensaio sobre um dia na vida de uma metrópole soviética, num elogio da supremacia realista do olho da câmera frente ao olho humano. Retrospectiva Internacional: Dziga Vertov. Outra sessão: sábado (13), Cinemateca Brasileira - Sala BNDES, 20h.

 

CINE LIVRARIA CULTURA

13h - ANTÁRTICA (idem, 71 min., Brasil, digital, 2013. Dir.: Evaldo Mocarzel) Diretor de À Margem do Lixo e Quebradeiras acompanhou o cotidianos de pesquisadores que enfrentam as baixas temperaturas do Pólo Sul em nome da ciência. Competição Brasileira de Longas e Médias-Metragens.

15h - NASCIDO NA USSR - GERAÇÃO DE 28 (Born in the USSR - 28 Up, 209 min., Rússia/Inglaterra/Alemanha, digital, 2012. Dir.: Sergei Miroshnichenko) Em 1991, 20 crianças de 7 anos foram escolhidas na então União Soviética e filmadas continuamente a cada 7 anos. Acompanhou-se, assim, suas transformações pessoais até a fase adulta, e as drásticas guinadas econômicas e políticas de um país que se sonhou como superpotência e acordou fragmentado. Competição Internacional de Longas e Médias-Metragens.

19h - PHILIP ROTH, SEM COMPLEXOS (Philip Roth, Without Complex, 52 min., França, digital, 2011. Dir.: William Karel e Livia Marena) O escritor norte-americano Philip Roth abre as portas de seu apartamento, em Nova York. Poucos meses antes da publicação de seu alegado último romance, Nêmesis, em 2010, o autor fala de seu processo de criação, de seus temas e obsessões e assegura que seus personagens não são seus alter-egos. Programas Especiais.

21h - O UNIVERSO GRACILIANO (idem, 84 min., Brasil, digital, 2013. Dir.: Sylvio Back) Um retrato do escritor alagoano Graciliano Ramos (1892-1953), sessenta anos após a morte do autor de clássicos como “Vidas Secas” e “Memórias do Cárcere”. Entrevistas, materiais de arquivo, fotos e filmes articulam-se para sintetizar sua original trajetória dentro e fora da literatura. Competição Brasileira de Longas e Médias-Metragens. Outra sessão: sexta (12), Cine Livraria Cultura, 13h.

 

CINEMATECA BRASILEIRA - SALA BNDES

16h - O OLHO DO TUBARÃO (The Shark's Eye, 93 min., Argentina, HDcam, 2012. Dir.: Alejo Hoijman) O vilarejo de Greytown, na costa caribenha da Nicarágua, é separado do resto do país por uma densa floresta e um mar perigoso, povoado pelos tubarões cuja pesca proporciona uma das poucas ocupações locais. É o último verão de férias de dois amigos inseparáveis, Maicol e Bryan, que exploram os limites de um ambiente precário. Foco Latino-Americano.

18h - PURGATÓRIO (Purgatorio, 80 min., México/EUA, beta, 2013. Dir.: Rodrigo Reyes) Na ampla faixa da fronteira entre México e EUA, personagens e paisagens únicos formam a identidade difusa de uma espécie de terra de ninguém, um espaço de transição. Pesadelos e esperanças convivem em igual medida na trajetória de imigrantes arriscando a vida no deserto, como médicos, junkies, jornalistas, policiais, pais e filhos. Première mundial. Foco Latino-Americano.

20h - PAULO MOURA - ALMA BRASILEIRA (idem, 86 min., Brasil, 2012. Dir.: Eduardo Escorel) Reunindo vestígios filmados e gravados ao longo de quatro décadas, o longa apresenta um retrato da carreira musical e da personalidade do clarinetista, saxofonista, compositor, arranjador e regente Paulo Moura, morto em 2010.

 

MUSEU DA IMAGEM E DO SOM

19h - Lançamento do DVD Terra Deu, Terra Come (idem, 88 min., Brasil, 2010. Dir.: Rodrigo Siqueira)

 

RESERVA CULTURAL - SALA 2

14h - SANÃ (idem, 18 min., Brasil, 35 mm, 2013. Dir.: Marcos Pimentel); CORAÇÃO DE ESTUDANTE (idem, 24 min., Brasil, digital, 2013. Dir.: Emílio Gallo); PÁTIO (idem, 14 min., Brasil, digital, 2013. Dir.: Aly Muritiba); SIMULACRUM PRAECIPITII – A VISÃO DO ABISMO (idem, 28 min., Brasil, digital, 2013. Dir.: Humberto Bassanelli). Competição Brasileira de Curtas-Metragens.

16h - UNIVERSO PARTICULAR (Private Universe, 84 min., República Tcheca, digital, 2012. Dir.: Helena Trestikova) Seguindo uma história pessoal, a diretora tcheca constrói uma crônica familiar e um retrato de quatro décadas de transformações da antiga Tchecoslováquia. Saltam episódios dramáticos históricos, e as expectativas de cada momento, confrontadas com o choque de realidade. Competição Internacional de Longas e Médias-Metragens.

18h - ANTES E DEPOIS DO JANTAR (Before and After Dinner, 108 min., EUA, digital, 2013. Dir.: Cindy Kleine) O ator e diretor teatral André Gregory, personagem de Meu Jantar com André (1981), de Louis Malle, é retratado por sua mulher, a cineasta Cindy Kleine. Explora-se os meandros não só de uma personalidade inquieta e rara, como de seus encontros com diversos aliados profissionais. Première mundial. Competição Internacional de Longas-Metragens.

20h - A LEI POR ESSAS BANDAS (The Law in These Parts, 98 min., Israel, digital, 2011. Dir.:  Ra’Anan Alexandrowicz ) Entrevistas com advogados, juízes e generais que ajudaram a criar e manter o aparato legal usado na Cisjordânia e Faixa de Gaza desde a Guerra dos Seis dias, em 1967. Essas pessoas são questionadas sobre as fronteiras entre a legalidade e a legitimidade. O Estado das Coisas.

22h - SINFONIA PAULISTANA, UM NOVO OLHAR (idem, 83 min., Brasil, DCP, 2013. Dir.: Rogério Zagallo) Um ensaio visual sobre São Paulo baseado na Sinfonia Paulistana, composta por Billy Blanco (1924-2011) logo depois de compor a Sinfonia do Rio de Janeiro com Tom Jobim. Desdobrado em 15 movimentos, elaborados ao longo de dez anos, a Sinfonia que virou até tema de rádio é agora revisitada, recuperando-se sua história e ressaltando-se sua contemporaneidade. Programas Especiais.

Fonte: VEJA SÃO PAULO