Verão em São Paulo

Doze programas para as férias das crianças

Confira atrações especiais na cidade e nas redondezas para curtir com seus filhos

Por: Taís Hirata

Museu do Futebol - Futebol de Botão - 2251a
Férias no Museu do Futebol: duas mesas de futebol de botão, além de origami, leitura e mais (Foto: Eduardo Lemos/Divulgação)

De parques de diversão a programas educativos, a capital oferece diversas opções para os pequenos aproveitarem as férias de janeiro longe do computador. Veja dez programas especiais para quem passa o verão em São Paulo.

1- Playcenter

O tradicional parque de diversões na Barra Funda oferece um cartão para o cliente voltar quantas vezes quiser até o dia 1º de abril. O passe custa R$ 25, além do preço do ingresso, e pode ser comprado até 18 de março, apenas na bilheteria do Playcenter. O horário de funcionamento é de quinta a domingo das 11h às 19h.

2- Wet’n Wild

A 60 km da capital, o parque aquático fica aberto durante todo o mês de janeiro, de segunda a domingo, a partir das 10h. O local oferece brinquedos para diferentes faixas etárias, desde o Kamikaze, tobogã de 18 metros de altura, até o Lazy River, onde é possível flutuar em um rio de 320 m de extensão.

3- Hopi Hari

Funciona de quarta a domingo, das 10h às 19h. Com atrações para crianças e adultos, oferece transporte exclusivo para levar os clientes até o parque, localizado na rodovia dos Bandeirantes, partindo do Shopping Eldorado, do Terminal Ana Rosa, da Avenida Paulista, entre diversos outros pontos.

4- Mundo da Xuxa

Com 18 atrações para adultos e baixinhos, o parque funciona de terça a sexta, das 10h30 às 16h30, e aos sábados e domingo, das 11h às 19h.

5- Chocomundo

O passeio de cerca de duas horas e meia conta a história do chocolate, desde os maias até a produção industrial. A visita também inclui uma minifábrica onde as crianças podem fazer seus doces e degustá-los. Adultos também são benvindos. O local fica aberto durante todo o mês de janeiro. É necessário agendar antes. Funciona de segunda a sexta às 09h e às 14h.

6- Cia. dos Bichos

A partir do dia 14, o espaço estende seus dias de funcionamento, abrindo de quarta a domingo, das 10h às 17h. Crianças de um a oito anos entram em contato com vinte espécies de animais e visitam uma horta.

7- Amazing Balls

A piscina de mais de 300.000 bolinhas fica aberta todos os dias da semana neste mês, a partir desta quinta (5). Crianças de 2 a 12 anos aproveitam não apenas a piscina, mas também teatro de fantoches, rodas cantadas e contações de histórias. O horário de funcionamento é de segunda a sexta, das 13h às 18h, e sábado, domingo e feriados, das 11h às 18h.

8- Aquário de São Paulo

Além de ver de perto tubarões, lontras, lobos-marinhos e diversos peixes, o aquário oferece palestras sobre o peixe-boi da Amazônia todos os sábados de janeiro, na parte da manhã e da tarde. Funciona de segunda a domingo das 09h às 18h.

9- Planetário do Ibirapuera

Com sessões de quinta a domingo, ensina as crianças sobre os astros que fazem parte do Sistema Solar. Além disso, aos sábados, às 17h, e aos domingos, às 16h, crianças acima de dez anos podem viajar ainda mais e conhecer outros astros e galáxias distantes.

10- Zoológico de São Paulo

Oferece visitação a mais de 3.000 animais. Entre os que mais fazem sucesso, estão os hipopótamos, os rinocerontes e as girafas. Aberto de terça a domingo das 09h às 17h.

11- Museu do Futebol

Até 29 de janeiro, sempre de terça a domingo, das 10h às 17h, pais e filhos poderão se divertir com as atividades do espaço Férias no Museu. São oficinas gratuitas de origami, desenho e massinha, além de um espaço para leitura, contação de histórias, duas mesas de futebol de botão e programação de filmes infantis.

12- MAM

A partir do dia 11 de janeiro, em diferentes horários, as famílias que não planejaram viagens, poderão participar de oficinas com atividades especiais organizadas pela área educativa do Museu de Arte Moderna de São Paulo (MAM). As atividades são gratuitas. As crianças vão encontrar uma variada programação, com oficinas de arte, narrações de histórias, brincadeiras e construções de brinquedos.

 

Fonte: VEJA SÃO PAULO