Bares

Donostia seduz com clima de taberna basca

Agradável atmosfera espanhola é composta por paredes de tijolinhos desgastados, castiçais e piso de tacos de madeira

Por: Fabio Wright

Bar Donostia
Clima espanhol: aos cuidados do chef Juantxo Martín, o ambiente do Donostia também é inspirado nos europeus (Foto: Raul Zito)

No cenário dos endereços de inspiração espanhola da cidade, o Donostia, em Pinheiros, pode ser considerado um autêntico representante da categoria. Inaugurada em agosto pelo portenho Christian Angel, que morou quase dez anos em Barcelona, a casa instalada num imóvel estreito na Rua Simão Álvares se propõe a reproduzir uma taberna basca. Compõem sua agradável atmosfera paredes de tijolinhos desgastados, castiçais e piso de tacos de madeira. Como manda a tradição nesse tipo de lugar, os pinchos (tira-gostos espetados no palito; R$ 6,00 a R$ 15,00 cada um) ficam prontos sobre o balcão. Na Espanha, em geral, o cliente se serve, mas por aqui os garçons os levam à mesa. Entre as tentadoras e rotativas opções aparecem o de salmão defumado com maionese de abacate, o de pimiento delpiquillo (um pimentão típico espanhol) recheado de bacalhau desfiado e o de polvo mais batata com páprica picante.

+ Os melhores bares em São Paulo

+ Samba, rock e música eletrônica: bares da cidade para dançar

Sangria do Donastia
Alma espanhola: o polvo com batata e a jarra de sangria (Foto: Raul Zito)

Ainda melhores são sugestões vindas da cozinha, comandada pelo chef espanhol Juantxo Martín, também sócio. Preparada com bechamel e presunto cru, a croqueta (R$ 5,00 a unidade), supercremosa, merece repeteco. Experimente o pincho de queijo de cabra com cebola caramelizada e redução de vinho malbec (R$ 10,00), que chega quente sobre torradinha. Para bebericar, há boas cervejas da espanhola Estrella Damm, a exemplo da Weiss (de trigo; R$ 12,00) e da intensa Voll-Damm Doble Malta (R$ 15,00), esta com 7,2% de teor alcoólico. Embora enxuta, com 23 rótulos (doze deles em taça), a seleção de tintos, brancos e cavas cumpre seu papel. Uma dica recai sobre o agradável tempranillo Vega Sauco Piedras Crianza 2006 (R$ 15,00 a taça; R$ 75,00 a garrafa). A jarra de 1 litro de sangria sai por R$ 35,00. Em tempo: Donostia é como se chama a cidade basca de San Sebastián no idioma deles, o euskera.

 

BEBIDAS ✪✪✪ | AMBIENTE ✪✪✪ | COZINHA ✪✪✪

Fonte: VEJA SÃO PAULO