Restaurantes

Donos do Le Vin inauguram o italiano Figurati

Com ambiente caprichado e agradável, as sugestões oferecidas oscilaram entre acertos e tropeços

Por: Helena Galante

Figurati - RESTAURANTES - 2251
O ambiente agradável: a parede exibe um retrato do cineasta Federico Fellini (Foto: Tadeu Brunelli)

Com seis unidades, três delas em São Paulo, a rede de bistrôs Le Vin faz sucesso há mais de uma década. Em outubro, o casal de proprietários Nancy Mattos e Francisco Barroso ultrapassou o terreno seguro da culinária francesa para abrir o italiano Figurati, de ambiente caprichado e agradável, com um belo retrato na parede do cineasta Federico Fellini, clicado pelo fotógrafo Luiz Tripolli. A escolha da nova especialidade foi influenciada por Frederico, caçula de Barroso, que estudou culinária por mais de um ano em Florença. No dia a dia, o jovem de 24 anos acompanha a execução das receitas criadas em conjunto com o mineiro Marcílio Araújo, chef executivo do grupo.

+ Mello & Mellão: uma trattoria cinematográfica

+ Italiano Mangiare Gastronomia privilegia as carnes

Embora seja perceptível o uso de ingredientes de qualidade, nas duas visitas realizadas as sugestões oferecidas a preços salgados oscilaram entre acertos e tropeços. Agradaram duas entradas refrescantes para o verão: o vitello tonnato (vitelo fatiado com maionese de atum) e o picante carpaccio de polvo. Cada uma delas custa R$ 42,00. Dos pratos principais, o cupim no molho de vinho tinto guarnecido de risoto à parmigiana (R$ 78,00) carecia de maciez. Também desapontou a temperatura morna do tortellini de cotechino (embutido suíno) ao molho de lentilha de Puy (R$ 56,00). Saiu-se bem melhor o penne acrescido de camarão e aspargo temperado por curry (R$ 68,00).

Figurati - RESTAURANTES - 2251
O penne com camarão e aspargo ao curry (R$ 68,00): um dos acertos da cozinha (Foto: Fernando Moraes)

Para a sobremesa, prefira a tentadora pera cozida em calda leve de açafrão acompanhada de sorvete artesanal de baunilha (R$ 23,00). A carta de vinhos traz exemplares como o tinto italiano Villa Antinori 2007 (R$ 125,00).

COMIDA ✪✪ | AMBIENTE ✪✪✪ | SERVIÇO ✪✪✪

Fonte: VEJA SÃO PAULO