Tragédia

Dono de prédio que desabou na Zona Leste tem outros imóveis na região

Um deles está situado na mesma avenida onde ocorreu o desabamento

Por: Redação VEJASÃOPAULO.COM

Segundo informações do Diário Oficial, Mostafa Abdallah Mustafa, dono do prédio que desabou na Avenida Matteo Bei, na última terça (27), é dono de pelo menos dois outros imóveis na região – um deles, inclusive, na mesma avenida onde ocorreu o desabamento que deixou ao menos nove pessoas mortas e outros 26 feridos.

+ Leia mais sobre o caso

Os sobreviventes chegaram a ficar três horas soterrados, como foi o caso do pintor Gleison Feitosa, primo de Felipe Pereira Santos, que saiu sem ferimentos. Ele e Rubens estavam ontem à noite no local do desabamento e ajudaram os Bombeiros a localizar os corpos. Cerca de 35 pessoas trabalhavam na reforma do prédio, que era irregular.

De acordo com a prefeitura, Mustafa foi multado duas vezes. A primeira multa foi emitida em 13 de março, no valor de 1 100 reais, por falta de documentação. A segunda autuação ocorreu no dia 25 do mesmo mês pelo não cumprimento das exigências da primeira vistoria, resultando em multa de 103 000 reais. A obra não foi embargada.

Apenas em abril a empresa responsável pela obra pediu o alvará de aprovação de edificação nova, que ainda está em análise. Também foi apresentado recurso às multas.

Fonte: VEJA SÃO PAULO