Música

Dominguinhos morre aos 72 anos em São Paulo

Cantor e compositor pernambucano, que lutava contra um câncer de pulmão há seis anos, foi transferido para a cidade no dia 13 de janeiro

Por: Redação VEJINHA.COM - Atualizado em

Dominguinhos
Dominguinhos: sanfoneiro recebe o parceiro Nando Cordel e a cantora Liv Moraes (Foto: Divulgação)

O cantor, compositor e sanfoneiro Dominguinhos morreu nesta terça (23), aos 72 anos, no Hospital Sírio-Libanês. Há seis anos, ele lutava contra um câncer de pulmão. De acordo com nota divulgada pela instituição, a morte do cantor, compositor e sanfoneiro ocorreu devido a complicações infecciosas e cardíacas.

O corpo do músico será velado na Assembleia Legislativa de São Paulo, no Ibirapuera, zona sul de São Paulo,  até as 16h desta quarta (24). Em seguida, será levado à Assembleia Legistaliva de Pernambuco, para um novo velório. O enterro deve ocorrer na sexta (26), mas ainda não há informações sobre o local.

Dominguinhos foi transferido para São Paulo em 13 de janeiro após ter sido internado por um mês em Recife. Durante o tratamento, desenvolveu insuficiência ventricular, arritmia cardíaca e diabetes. A filha do músico, Liv Moraes, confirmou nesta segunda (22) que o estado de saúde do cantor havia piorado e, por isso, ele havia voltado para a Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Herdeiro artístico de Luiz Gonzaga (1912-1989), José Domingos de Morais nasceu em Garanhuns, no agreste de Pernambuco. Uma de suas últimas apresentações foi em 1 de dezembro do ano passado, em homenagem ao centenário do rei do baião, em Exu, interior de Pernambuco. 

Clique aqui para ler mais informações sobre a trajetória do músico

Fonte: VEJA SÃO PAULO