Comidinhas

Lojas especializadas em um só tipo de doce

De uma simples bala ao pudim tamanho-família, que serve várias pessoas, conheça dezessete docerias que apostam em variações de uma mesma receita

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Lojas de um doce só
Pão de mel, brigadeiro e éclair: lojas especializadas (Foto: Tadeu Brunelli/ Divulgação/ Mario Rodrigues)

Quindins, bombas, brigadeiros, balas, pães de mel, sonhos... Essas e outras guloseimas são encontradas com facilidade em várias docerias da cidade mas, de tão queridas, também inspiraram a criação de lojas que são especializadas em um doce só. Confira abaixo dezessete casas que se dedicam a preparar apenas um doce em várias versões. 

+ Nove lugares para comer gulodices no Tatuapé

Papabubble - balas
Balas e pirulitos artesanais: especialidade da moderna Papabubble (Foto: Divulgacao)

■ BALA

Papabubble: há doce mais nostálgico que pirulito? As guloseimas desta marca nascida em Barcelona fazem qualquer adulto voltar a ser criança. Cada unidade média custa R$ 16,00. Na matriz de Pinheiros, é divertido observar os caramelos feitos artesanalmente ganharem formato de flor (R$ 22,00) e até sushi (R$ 18,00). Para uma degustação das balas, compre a embalagem de 140 gramas (R$ 25,00) com variedade de frutas — uva, pera, kiwi, laranja, banana...  

Lu Bonometti  Biscotti & Dolcezze - biscoito
Lu Bonometti: biscoitos derretem na boca (Foto: Fernando Moraes)

■ BOLACHA

Lu Bonometti Biscotti Dolcezze: ao morder pela primeira vez um dos biscoitos desta pequenina loja, pode-se ter a sensação de que todas as outras guloseimas do tipo provadas anteriormente não eram tão boas. As receitas da confeiteira Luciana Bonometti combinam crocância externa com um miolo molinho, que derrete na boca. Os sabores também agradam: amêndoa, avelã, gianduia e pistache. Para comer ali mesmo, ao lado de um expresso (R$ 4,50), a unidade custa R$ 2,80. Para levar, sai por 15,50 a porção de 100 gramas. A marca também faz cookies como o de chocolate e o de goiabada (R$ 2,40 cada um ou R$ 12,50, 100 gramas) e o brutti ma buoni — a expressão italiana, que pode ser traduzida para “feios, mas bons”, batiza o doce tradicional feito com avelã (R$ 14,50; 100 gramas) e sua versão lançada no início do ano, com base de castanha-do-pará (R$ 12,50; 100 gramas). Também são novidade os primeiros biscoitinhos salgados da marca. Chamados de taralli, eles estão disponíveis nos sabores azeitona, erva-doce e alecrim (R$ 13,50;150 gramas).

 

Casa de Bolos
Casa de Bolos: massa de milho bem úmida (Foto: Fernando Moraes)

■ BOLO

Bolo à Toasob o comando dos irmãos Renata Frioli e Marcelo Grosso, a marca segue firme mesmo com a proliferação das franquias do gênero. As receitas da avó da dupla inspiram os bolos, que ficam expostos em uma mesona de madeira e são embalados na hora do pedido. Há sabores como fubá com erva-doce (R$ 18,00), milho (R$ 25,00) e chocolate com calda do mesmo ingrediente (R$ 28,00). As versões de iogurte são feitas em três variações: com limão, maracujá ou amora. Esta última recebe uma deliciosa geleia com pedaços da fruta. Os preços variam de R$ 18,00 a R$ 30,00. 

Casa de Bolosa rede de Ribeirão Preto conta com mais de 200 filiais, cinquenta delas somente na capital paulista. Cerca de 45 receitas se revezam nas vitrines, entre tortas, cucas e bolos caseiros. Quem prefere algo mais açucarado, pode levar para casa o bolo de churro, que exibe massa com canela e recheio de doce de leite (R$ 22,00). A novidade deste verão vem em potinhos (R$ 7,00 com cerca de 250 gramas) e é vendida em cinco sabores: bridadeiro, abacaxi, laranja, limão e prestígio - são bolos gelados que alternam camada de massa, creme ou pedaços da fruta.

■ BRIGADEIRO

Maria BrigadeiroJuliana Motter foi uma das responsáveis pela gourmetização do brigadeiro ao incluir matéria-prima de qualidade na elaboração do doce, seis anos atrás. Agora, ela dá mais um passo à frente ao investir em uma pequena fábrica de chocolate feito com o ótimo cacau proveniente de Uruçuca, na Bahia. Da torra à temperagem, são controladas todas as etapas do processo, em que o produto final entra na composição dos docinhos enrolados. Há mais de trinta receitas de brigadeiro, entre clássicos, com frutas frescas e secas, especiarias e diets. A versão tradicional custa R$ 4,00. Vende também lata de 400 gramas de chocolate em pó (R$ 80,00), para quem quer preparar gulodices em casa.

Helô Doces
Helô Doces: além do tradicional de chocolate, há versões de capuccino e Nutella (Foto: Mario Rodrigues)

■ BROWNIE

Helô Docesaqui são preparados os ótimos brownies que fizeram a fama da chef Heloisa Monteiro da Silva. No andar térreo não há vitrine, café ou mesinhas: apenas um balcão de pronta-entrega do bolo de chocolate com nozes. Há porção de 100 gramas (R$ 7,00), 250 gramas (R$ 14,00) e 500 gramas (R$ 28,00), embaladas numa quentinha. Sob encomenda, faz outras versões da guloseima nos somente nos tamanhos de 250 gramas ou de 500 gramas, com preços variados conforme os recheios, como as de cappuccino, brigadeiro, damasco, macadâmia e Nutella. Petit gâteau de goiaba (R$ 6,50 a unidade) e cheesecake de framboesa (R$ 81,00 o quilo), entre outras pedidas, também devem ser solicitadas com antecedência. 

Cheesecakeria
Cheesecakeria: cobertura de limão (Foto: Divulgação)

■ CHEESECAKE

Cheesecakeriaa concessão ao paladar mais ávido por açúcar dos brasileiros se faz presente nas catorze versões de cheesecake, especialidade desta casa com matriz em Moema e quiosque no shopping Eldorado. A receita da sócia Fernanda Zekcer leva leite condensado além do cream cheese e, por isso, o queijo cremoso quase não aparece diante de tanta doçura. A guloseima é servida em fatias (R$ 15,00), que recebem a cobertura na hora, ou em tamanho míni (R$ 5,00), já prontas e expostas na vitrine. Ao lado da versão clássica, com calda de frutas vermelhas, aparecem cheesecakes inusitadas, de paçoca, Ovomaltine, caramelo com flor de sal e red velvet, por exemplo. 

■ CHURROS

La Churreriao atendimento sempre simpático deixa ainda mais gostoso o churro à moda espanhola desta casa especializada em um doce só. Moldada como um tubo fininho e comprido, a guloseima frita na hora e polvilhada com açúcar e canela pode ser servida pura, para acompanhar o cafezinho (R$ 5,50), ou ao lado de um potinho de doce de leite (R$ 4,00) ou de chocolate derretido (R$ 4,00). A porção com quatro unidades custa R$ 8,50. Quem prefere a versão do canudinho recheado, da forma como estamos mais acostumados por aqui, deve pedir pelos churros rellenos, que são preenchidos por doce de leite (R$ 9,00).  .

Faire la Bombe - bomba de chocolate
Faire la Bombe - bomba de chocolate (Foto: Mariana Araújo )

■ ÉCLAIR

Bombas de Chocolatenão espere encontrar as rotineiras bombas em formato alongado. Na loja que leva o nome do doce, elas são arredondadas. “Assim é mais gostoso de comer”, garante Laura Borzani, pâtissière formada pela Le Cordon Bleu. É ela a responsável pelas guloseimas, vendidas a R$ 10,00 a unidade e cuja massa choux é de uma leveza exemplar. Além dos recheios de chocolate e de creme, mais comuns (e também os mais pedidos), a confeiteira faz outras catorze versões, entre elas a acertada opção de tiramisu, com mascarpone e um toque de café. 

Éclair Moi Paris
As bombas da Éclair Moi Paris (Foto: Fernando Moraes)

Éclair Moi Paris:  

Tchocolath - pão de mel
Tchocolath: catorze versões de pão de mel (Foto: Tadeu Brunelli)

PÃO DE MEL

Tchocolath Pão de Mel: o pão de mel foi roubando pouco a pouco a cena. Na segunda unidade, localizada no Itaim Bibi, a guloseima é a rainha, com catorze versões do doce. As mais simples são as sem recheio, apenas cobertas de chocolates branco, amargo ou ao leite. Nesse caso, cada quadradinho custa R$ 5,50. O preço sobe para R$ 7,25 nas opções recheadas de marzipã, tangerina, gianduia, frutas vermelhas, coco, damasco, brigadeiro, marshmallow, nozes e o imprescindível doce de leite. 

Pudim de leite - pudim de fava de baunilha - Fôrma de pudim
Fôrma de Pudim: versão com fava de baunilha (Foto: Redação VEJA SÃO PAULO)

■ PUDIM

Fôrma de Pudimalém da versão tradicional, tem pudim em outras variações incluindo avelã, nozes, paçoca, brigadeiro, chocolate belga ou branco, doce de leite, pistache, Ovomaltine, café, coco e os mais recentes como laranja e limão-siciliano. Todos eles têm furinhos por fora mas são lisos e cremosos no interior e levam uma dourada calda de caramelo. Feitos para levar, os doces saem por R$ 55,00 (500 gramas), R$ 88,00 (1 quilo) e R$ 115,00 (1,7 quilo) e servem até quatro, oito e dezesseis pessoas, respectivamente — o de pistache e a versão tradicional sem açúcar custam um pouco mais (R$ 60,00, R$ 95,00 e R$ 130,00). Se a escolha for comer o doce por ali mesmo, é sufciente uma fatia ou um pudim individual (R$ 10,00 cada um). Há ainda uma versão menorzinha, por R$ 4,50.

■ QUINDIM

Alice Quindinsdepois de percorrer um corredor, é preciso tocar a campainha e abrir um portão vermelho para chegar à loja-escritório (com direito a computadores nas mesas e funcionários de touquinha na cabeça, por causa da proximidade com a cozinha). De jeito nenhum, porém, entenda isso como descaso com a produção. Enquanto escolhe no balcão o tamanho da bandeja para levar, dá para observar o cuidado na confecção de cada uma das guloseimas. Sobre uma base de coco ralado bem úmido, o creme de ovos com bastante açúcar derrete e preenche toda a boca já na primeira mordida. Uma caixa com seis quindins de 50 gramas cada um sai por R$ 25,00. Se preferir saborear apenas uma unidade, o doce custa R$ 5,00. Para festinhas, há um tamanho menor. Ainda que se encontre embalagens prontas com uma dúzia (também R$ 25,00), é prudente ligar antes e reservar, se você for precisar de muitas unidades.

Sonheria Dulca
Sonheria Dulca: 10,00 o sonho de creme e outras versões (Foto: Divulgação)

■ SONHOS

Sonheria Dulcainaugurada pela confeitaria Dulca, ela é dedicada exclusivamente ao sonho. A massa com frescor e leveza exemplares recebe o clássico recheio de creme, capaz de fazer qualquer um se lambuzar. Há também versões de doce de leite e de pistache, este de sabor bem suave, apagado até. Outras possibilidades são gianduia, geleia de goiaba, coco e brigadeiro. Todas passadas em uma combinação de açúcar com canela e vendidas a R$ 10,00 a unidade. 

+ Paola Carosella lança molhos de pimenta orgânica

Fonte: VEJA SÃO PAULO