Doação

Leite materno

Por: Bruna Gomes - Atualizado em

O Brasil tem uma boa tradição de bancos de leite. Toda mãe com leite excedente pode ser doadora, desde que não fume mais de dez cigarros por dia, não ingira álcool ou use drogas ilícitas, além disso, deve apresentar os exames do pré ou pós-natal atestando estar bem de saúde. Outros critérios devem ser respeitados para manter a qualidade do leite e não prejudicar o recém-nascido que vai receber. Muitas maternidades contam com um banco de leite, só na cidade de São Paulo há 17 bancos cadastrados. Basta entrar no site e ver qual é o mais próximo de você. Potes de vidro com tampa de plástico são itens muito importantes que podem ser doados, principalmente, para hospitais públicos. Depois de devidamente esterilizados, servem para armazenar o leite doado. Vale levar potes de maionese, café solúvel e afins.

Banco de Leite Hospital Israelita Albert Einstein: Avenida Albert Einstein, 627 - 701/7º andar Bloco D – Morumbi. Tel.: (11) 3747-2734. Horário de atendimento: segunda a domingo das 8h às 11h30 e das 13h30 às 21h

Banco de Leite Humano do Hospital do Servidor Público Estadual: Rua Pedro de Toledo, 1 800 - 4º andar - V. Clementino. Tel.: (11) 5088-8172. Horário de funcionamento: segunda a sexta das 7h às 12h e das 13h às 19h

Hospital Vila Penteado: Avenida Min. Petrônio Portela, 1746 – Freguesia do Ó. Tel.: (11) 3976-9911-R-227/306/211, (11) 3976-3072

Fonte: VEJA SÃO PAULO