Cidade

As melhores atrações do Design Weekend 2014

Maior evento de arquitetura, arte, decoração e urbanismo da América Latina acontece na cidade entre os dias 14 e 17 de agosto

Por: Carolina Romanini - Atualizado em

  • Voltar ao início

    Compartilhe essa matéria:

  • Todas as imagens da galeria:

Mais de 150 atrações de design, arte, arquitetura e urbanismo estarão espalhadas pela cidade nos próximos quatro dias – de 14 a  17 de agosto. Trata-se da 3ª edição do Design Weekend, evento com curadoria de CASA CLAUDIA, da Editora Abril, o maior festival deste ramo na América Latina.

 

Confira abaixo os pontos altos desta temporada do evento. Para a programação completa, confira o site oficial do Design Weekend 2014.

 

  • Gastronomia na rua do design

Além das intervenções e lançamentos de design e decoração, a Alameda Gabriel Monteiro da Silva terá uma atração inusitada nesta temporada: o Circuito Gastronômico Gabriel Food Trucks. Cozinha italiana e japonesa, lanches gourmet, sorvetes e cafés especiais estarão entre as delícias servidas pelos caminhões estacionados na rua, entre os números 663 e 2136. Os trucks funcionarão do dia 14 ao 17, das 11h às 18h.

 

  • Networking com estilo

O hotel Pullman, na Vila Olímpia, servirá de QG do Design Weekend neste ano é. Ali acontecerá uma mesa-redonda com convidados internacionais (14) e uma exposição de arte contemporânea em participação com a Urban Arts. Além disso, durante todos os dias do evento, o hotel oferecerá uma happy hour em seu Hub Food Art Lounge, a partir das 19h, um espaço projetado para networking.

 

  • Pedalada do design

Ciclistas de todos os níveis percorrerão um roteiro com atrações da arquitetura e do design paulistano. O passeio será realizado pela Bike Tour SP durante todos os dias do evento, das 10h às 17h (serão cinco tours diários com capacidade para dez pessoas cada um), com saídas da ciclovia da Avenida Brigadeiro Faria Lima. Esse mesmo roteiro continuará ativo após o Design Weekend. Inscrições no e-mail biketoursp@biketoursp.com.br

 

  • Arte na praça

A Praça Victor Civita, em Pinheiros, não apenas servirá como palco de abertura do festival, como terá uma programação intensa. No dia 13, a partir das 18h, o designer catarinense Jader Almeida lança no local o livro e a exposição Atemporalidade do Desenho, com sessão de autógrafos aberta ao público. No dia 14, às 20h, haverá uma sessão de Cine na Praça, com distribuição gratuita de pipoca doce e salgada. Nos dias 16 e 17, das 13h às 15h, o Senac São Paulo realiza a intervenção Design Transverso: Crossover, com performance de alunos e professores da instituição. A praça receberá também outra duas atrações fixas: a exposição Bancos Blocos e a intervenção Bicicletários.

 

  • Hugo França no Museu da Casa Brasileira

O engenheiro que trabalha há cerca de 20 anos transformando em móveis materiais naturalmente descartados pela natureza, como troncos e galhos de árvores, terá uma exposição e o lançamento de um livro durante o evento – ambos batizados de Resgate da Natureza. Durante os quatro dias de Design Weekend, os jardins do Museu da Casa Brasileira receberão casulos, esculturas, mesas e bancos assinados pelo artista.

 

  • Distrito Paulista

Outro endereço que reunirá uma série de atrações é o Conjunto Nacional, na Avenida Paulista. Entre muitas opções, o Safári Fotográfico de Arquitetura acontece no dia 15, das 10h às 17h, e custa 250 reais. Já a mostra Manifesto da Cor e o Workshop Criativo: Design para Todos, será gratuita no dia 16, das 14h às 17h. A exposição com os vencedores da sétima edição do Prêmio Idea/Brasil também acontecerá por ali, além da mostra Viva Design, que contará com diversos lounges sobre moda e design, entre ele do Senai Design SP, o Araucária Arte e Design, entre muitos outros.

 

  • Paris é na Vila

Entre os vários espaços que participam do evento na Vila Madalena, a Prototype reserva algumas atrações especiais, com curadoria do jornalista Ricardo Gaioso e do designer Felipe Protti. Uma delas é a mostra Nouvelle École – Paris é Aqui, que revela a “globalização” de artistas brasileiros. Jovens artistas como o peruano Javier Robles e o alagoano Rodrigo Ambrósio também expõem os seus trabalhos no local, na mostra Folclore Global – A Tendência do Design Local vs. Global.

Fonte: VEJA SÃO PAULO