Entrevista

Danilo Gentili nega que novo programa enfrente dificuldades

"Quero Lula como convidado", diz humorista, que reafirma estreia para o mês de junho

Por: Alexandre Aragão - Atualizado em

Danilo Gentili
O humorista Danilo Gentili: cronograma do novo programa está sendo seguido (Foto: Mario Rodrigues)

Maiores trunfos de Danilo Gentili, sua rapidez de raciocínio e total ausência de papas na língua deram ao humorista do CQC alguns de seus melhores momentos na televisão. Já no Twitter, rede social em que ele tem mais de 1,6 milhão de seguidores, o jogaram no centro de uma série de polêmicas. Uma hora chama Hebe Camargo de múmia, na outra detona os judeus de Higienópolis e daí por diante...

+ Dez gafes de perfis famosos nas redes sociais em 2011

Uma nota publicada nesta sexta (20) pelo colunista Flavio Ricco, do UOL, informava que episódios como esses teriam complicado o lançamento do programa solo de Gentili, o talk show “Agora É Tarde”. Segundo Ricco, está difícil aceitar quem se arrisque a participar das gravações, por medo de pegadinhas e afins.

Depois de uma série de tentativas de contato por telefone, inclusive via assessoria de imprensa da Band, que exibe o CQC, conseguimos respostas de Gentili apenas por e-mail. Confira a seguir:

VEJA SÃO PAULO — Foi publicado que alguns convidados declinaram o convite para participar de seu programa. O que você tem a dizer sobre isso? Danilo Gentili — A informação publicada não é baseada no andamento do programa até aqui. Todos estão seguindo o cronograma planejado desde o início do projeto. Deixei a Band agora há pouco e, neste exato momento, o cenário está sendo vistoriado para um piloto que gravaremos neste sábado. No que diz respeito a convidados, a produção iniciou esse trabalho há pouco menos de um mês. Temos nomes confirmados e outros que estamos adequando agenda. Por questão estratégica, ainda não vamos divulgar nada.

VEJA SÃO PAULO — Quantos pilotos já foram gravados? Danilo Gentili — Gravamos um piloto no ano passado para rascunhar a ideia e podermos continuar o projeto a partir dali. Depois desse piloto, foi desenhado cenário, criada uma identidade visual e uma linguagem.

VEJA SÃO PAULO — Quem você vai entrevistar nos próximos pilotos? Danilo Gentili — É segredo!

VEJA SÃO PAULO — Para quando está programada a estreia? Danilo Gentili — Tudo está caminhando conforme o planejado: para a primeira quinzena de junho. Mas, dependendo de como nos sairmos no piloto, podemos adiar ou mesmo adiantar. Nesse aspecto, toda a equipe pensa igual: vamos estrear quando estivermos satisfeitos.

VEJA SÃO PAULO — Quem é a pessoa que você mais gostaria de entrevistar? Danilo Gentili — O Lula! Muito, muito, muito!

Fonte: VEJA SÃO PAULO