CRIMINALIDADE

"Dane-se", disse menor que atropelou e matou estudante

Adolescente de 16 anos foi apreendido na madrugada desta quinta (19); crime aconteceu na Zona Sul 

Por: Veja São Paulo - Atualizado em

Natalia Felix
Natália Costa de Moraes Félix estava acompanhada da avó de 76 anos (Foto: Reprodução)

Suspeito de atropelar uma estudante de biomedicina de 21 anos, um adolescente teria reagido com frieza ao ser avisado por comparsas que havia matado a jovem. “Agora já foi. Dane-se”, afirmou, segundo a polícia, o rapaz de 16 anos apreendido na madrugada desta quinta-feira (28).

Ele e Matheus José Pinheiro, de 19 anos, foram detidos por policiais do Departamento Estadual de Investigações Criminais (Deic) em uma favela na Vila Santa Catarina, Zona Sul da cidade. A polícia procura outros dois criminosos que teriam participado do assassinato e que fazem parte da quadrilha.

Natalia Costa de Morais Félix foi morta no último domingo (25) ao ser atropelada na Avenida Rubens Gomes de Souza, nas proximidades da Avenida Vicente Rao.

Ela, que seguia com a avó de 76 anos, foi aborada por quatro homens em um carro quando seguia para a casa de repouso onde o avô está internado.

Durante o assalto, os criminosos exigiram que as duas deitassem no chão. A senhora ficou em um canteiro e Natália, na rua. Após roubarem os pertences das vítimas, os ladrões tentaram fugir com o carro da avó de Natália. Entretanto não conseguiram levar o veículo que é automático.

Ao retornarem para o carro que usaram no assalto, os criminosos atropelaram Natália deitada na via. 

Fonte: VEJA SÃO PAULO