publicidade

Teatro

'Dançando em Lúnassa' ganha montagem que valoriza o texto

Dirigido por Domingos Nunez, o drama está em cartaz no Viga Espaço Cênico

12.jul.2013 por Dirceu Alves Jr.

A proeza de escalar as grandes atrizes Clara Carvalho, Denise Weinberg e Sandra Corveloni já bastaria para sustentar o interesse pelo drama Dançando em Lúnassa. Escrita pelo irlandês Brian Friel, a pe-ça ganhou direção de Domingos Nunez em uma montagem muito bem resolvida.

+ Leia mais sobre teatro

Ambientada nos anos 30, na casa de cinco irmãs, a trama mostra uma rotina pacata transformada por dois episódios. Veículo para o sonho, um aparelho de rádio recémadquirido contagia a família pela música. Mas o retorno da África de um irmão padre (o ator Gustavo Trestini), doente e com a memória abalada, puxa as irmãs para a realidade. Quem traz à tona as lembranças é o ator Bruno Perillo, na pele de um sobrinho, que, três décadas depois, vasculha o passado.

A unidade do elenco — completado por Fernanda Viacava, Isadora Ferrite e Renato Caldas — e a delicadeza com que Nunez cria efeitos cênicos e intercala as situações valorizam o texto. Um excesso folhetinesco, no entanto, o restringe e ficaria melhor se fosse aliviado, sobretudo no desfecho.

Avaliação ✪✪✪

publicidade

X

Avaliação de VEJA SP

Não foi avaliado

Avaliação de VEJA SP

Péssimo

Avaliação de VEJA SP

Fraco

Avaliação de VEJA SP

Regular

Avaliação de VEJA SP

Bom

Avaliação de VEJA SP

Muito bom

Avaliação de VEJA SP

Excelente

Avaliação dos usuários

Ainda não foi avaliado

Avaliação dos usuários

Péssimo

Avaliação dos usuários

Fraco

Avaliação dos usuários

Regular

Avaliação dos usuários

Bom

Avaliação dos usuários

Muito bom

Avaliação dos usuários

Excelente

Avaliação do usuário

Péssimo

Avaliação do usuário

Fraco

Avaliação do usuário

Regular

Avaliação do usuário

Bom

Avaliação do usuário

Muito bom

Avaliação do usuário

Excelente

Péssimo

Fraco

Regular

Bom

Muito bom

Excelente

Comente

Envie por e-mail